CRLV, CRV e TUDO o que muda relação aos documentos do Detran em 2021

Desde segunda-feira (4), o Detran 2021, em todos os estados, não está mais emitindo os Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), nem o Certificado de Registro de Veículo (CRV) de papel. Ou seja, fica disponível apenas a versão digital, que pode ser acessada nos aparelhos eletrônicos.

CRLV, CRV e TUDO o que muda relação aos documentos do Detran em 2021
CRLV, CRV e TUDO o que muda relação aos documentos do Detran em 2021 (Imagem: Reprodução Paraíba RádioBlog)

Motivo da mudança

Esta nova mudança está valendo para os Detrans do país inteiro. O motivo da mudança foi que, como o DPVAT foi extinto a Seguradora Líder, que era responsável pelo fornecimento do papel verde de todos os Detrans não irá mais distribuir o papel.

Para acelerar o processo e resolver o problema, o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) decidiu digitalizar os certificados e os demais documentos. Sendo assim, o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), autoridade máxima do trânsito no país, emitiu uma resolução nº 809/2020, de 15 de dezembro com tal determinação.

Leia mais: IPVA 2021 São Paulo: Como pagar o tributo com DESCONTOS? Veja calendário

Como vai funcionar o novo processo

Quem já tirou o documento de papel do veículo não vai precisar trocar pelo digital. No entanto, caso o veículo passe por alguma alteração de característica, mudança de estado ou município, quando for realizada nova transação de compra e venda, ou se o documento em papel for perdido, sendo assim, nesses casos o documento será substituído por um digital.

Caso ainda não tenha emitido o documento de 2021,você deverá fazer isso somente quando for quitada a taxa referente ao Licenciamento Anual (já que a Superintendência de Seguros Privados suspendeu a cobrança do seguro DPVAT em 2021).

Feito isso, você deve baixar o aplicativo Carteira Digital de Trânsito e fazer o seu cadastro. Em seguida, acesse a aba “Veículos” e clique em “Adicionar CRLV”. Preencha o número do Renavam, o número de segurança do CRV e siga os passos seguintes para emitir o documento digital.

Com a nova mudança o o CRLV e o antigo CRV passarão a ser um documento único digital, isso valerá para os veículos registrados a partir de 04 de janeiro de 2021.

Leia mais: IPVA 2021: Calendário de pagamentos e valores SP, RJ, MG e ES

Eles receberão o documento que certifica a propriedade do veículo integrado ao documento de licenciamento anual no formato digital e deverão solicitar a expedição da Autorização para Transferência de Propriedade do Veículo em meio digital (ATPV-e) quando efetivamente for confirmada uma transação comercial de compra ou venda.

Por fim, todos os veículos que tiveram os CRVs expedidos em papel moeda e em boas condições seguirão válidos e deverão ser mantidos para utilização em uma futura transferência de propriedade.

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.