Eleições 2020: TSE contabiliza 72 parlamentares na disputa eleitoral deste ano

TSE (Tribunal Superior Eleitoral) contabilizou cerca de 72 parlamentares que irão concorrer às prefeituras brasileiras nas eleições de 2020. São 70 deputados e 2 senadores.

Eleições 2020: TSE contabiliza 72 parlamentares na disputa eleitoral deste ano (Foto: Reprodução/Getty Images)
Eleições 2020: TSE contabiliza 72 parlamentares na disputa eleitoral deste ano (Foto: Reprodução/Getty Images)

Segundo publicação da Agência Brasil, os números de parlamentares que se candidataram ao pleito de 2020 segue a mesma tendência das últimas eleições municipais, em 2016. Foram 2 senadores e 71 deputados federais, um a mais que a deste ano. 

Restrições de conteúdo sobre candidatos

De acordo com a Lei 9.504/1997, que trata sobre o código eleitoral, emissoras de rádio e televisão deverão atentar-se às séries de restrições de conteúdos sobre os candidatos, partidos políticos e coligações ou que revele a posição política de eleitores das eleições de 2020 até o dia 29 de novembro.

As medidas fazem parte do calendário eleitoral de 2020, seguindo as normas previstas em Lei.

Leia mais: Saiba o que está permitido ou NÃO nos dias de votação das eleições 2020

Ainda de acordo com o texto da Agência Brasil, não é permitida a exibição de qualquer conteúdo que mencione os candidatos ou que os favoreça – como peças de propaganda política ou novelas, filmes e séries, por exemplo. A medida de controle de conteúdo midiático sobre ou com os candidatos é válida até depois do segundo turno das eleições.

Exibição de imagens de realização de pesquisa ou consulta eleitoral de forma que seja possível identificar o candidato ou que haja algum tipo de manipulação de dados também não é aceito.

Candidatos que atuam em programas de emissoras de rádio e televisão estão desde o dia 11 de agosto afastados.
Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, é autorizada a organização de debates políticos ou citar candidatos, partidos ou coligações em programas jornalísticos. Valendo enquanto durar o períodoeleitoral.

Penalidades ao candidato

O uso indevido dos meios de comunicação e não cumprimento das normas eleitorais poderá gerar a cassação do registro da candidatura, ou do diploma de eleito.

Novas datas das eleições 2020

As eleições de 2020 tiveram as datas do primeiro e do segundo turno alteradas devido a pandemia do novo coronavírus através de emenda constitucional.

De outubro, as datas passaram para o mês de novembro. Nos dias 15 e 29, respectivamente o primeiro e do segundo turnos das eleições municipais de 2020.

Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.