Eleições 2020 Natal: Pesquisa revela que ESTE é o candidato favorito ao cargo de prefeito

As pesquisas das eleições 2020 Natal mostram que as eleições podem terminar ainda no primeiro turno. O atual prefeito Álvaro Dias (PSDB) está com 44% das intenções de voto no levantamento mais recente, realizado entre os dias 24 e 26 de outubro. O crescimento em comparação à última pesquisa, realizada entre 4 e 6 de outubro, foi de 11 pontos percentuais. Se a eleição fosse hoje, ele estaria eleito em primeiro turno.

Eleições 2020 Natal: Pesquisa revela que ESTE é o candidato favorito ao cargo de prefeito
Eleições 2020 Natal: Pesquisa revela que ESTE é o candidato favorito ao cargo de prefeito. (Imagem: Reprodução Agora RN)

Na segunda posição, dois candidatos aparecem empatados: Kelps (Solidariedade) e Delegado Leocádio (PSL), ambos com 7%. Em relação à pesquisa do início de outubro Kelps perdeu cinco pontos e Leocádio cresceu quatro.

Resultados das eleições 2020 Natal

A margem de erro da pesquisa é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos. Dessa forma, os segundos candidatos estão tecnicamente empatados com Senador Jean (PT) e Hermano Morais (PSB), que têm 5%. Morais oscilou negativamente um ponto, em comparação à pesquisa anterior, ao passo que Jean oscilou positivamente três.

Quanto mais próximo fica o dia da eleição, mais pesquisas de opinião tentam prever ânimos das urnas. Até dia 15 de novembro, os eleitores devem ter contato com outros levantamentos de intenção de votos na capital do Rio Grande do Norte.

Leia mais: Pesquisa para prefeito de Natal 2020: Veja quem é o candidato FAVORITO das eleições

Em relação aos índices de rejeição, Delegado Leocádio foi o mais rejeitado, com 30% das respostas. Na sequência ficaram Kelps e Senador Jean, com 18%, e Hermano Morais, com 17%. Coronel Azevedo aparece com 14% e Álvaro Dias, com 13%.

A pesquisa foi contratada pela Inter TV Cabugi, afiliada da Rede Globo no Rio Grande do Norte, e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte.

O primeiro turno das eleições será em 15 de novembro e o segundo, se houver, em 29 de novembro. Os eleitores precisarão ir de máscara e serão dispensados da identificação biométrica. Para votar, é necessário levar apenas um documento oficial com foto. O título de eleitor não é obrigatório, apenas recomendado pela Justiça Eleitoral. O e-Título pode valer como documento para estas eleições.

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.