FGTS emergencial: Caixa libera MAIS uma parcela nesta semana; veja quem recebe

A Caixa Econômica Federal liberou ontem (14) mais uma parcela do saque FGTS emergencial. As parcelas liberadas foram para os trabalhadores que nasceram no mês de novembro.

FGTS emergencial: Caixa libera MAIS uma parcela nesta semana; veja quem recebe
FGTS emergencial: Caixa libera MAIS uma parcela nesta semana; veja quem recebe (Imagem: Reprodução Grupo Repórter)

A Caixa fez uma poupança social para os nascidos de novembro para depositar o dinheiro no aplicativo CAIXA Tem. Nesse primeiro momento, o dinheiro está disponível apenas para pagamentos de contas, boletos e compras utilizando o cartão de débito virtual. Para realizar o saque ou transferir o dinheiro só será possível após o dia 14 de novembro.

No começo da pandemia, já com as economias e a renda dos trabalhadores afetadas, por meio de uma medida provisória o governo liberou o saque emergencial do FGTS. Todavia, essa medida provisória perdeu a validade no início de agosto quando o Congresso deixou de votar no tempo proposto. A Caixa informou que vai continuar seguindo o calendário de pagamentos sem nenhuma alteração.

Leia mais: Afinal, até quando o auxílio emergencial será pago? Veja calendário completo!

Calendário

Toda a dinâmica na liberação do crédito em conta, o saque ou transferência do valor, foram pensadas e feitas para evitar aglomerações nas agências. A regra do calendário é o mês de nascimento do trabalhador, veja o calendário a seguir:

Calendário saque emergencial FGTS

Mês de nascimento Crédito em conta Saque ou transferência
Janeiro 29 de junho 25 de julho
Fevereiro 6 de julho 8 de agosto
Março 13 de julho 22 de agosto
Abril 20 de julho 5 de setembro
Maio 27 de julho 19 de setembro
Junho 3 de agosto 3 de outubro
Julho 10 de agosto 17 de outubro
Agosto 24 de agosto 17 de outubro
Setembro 31 de agosto 31 de outubro
Outubro 8 de setembro 31 de outubro
Novembro 14 de setembro 14 de novembro
Dezembro 21 de setembro 14 de novembro

Valor dos saques FGTS emergenciais

Todos os trabalhadores que possuem conta ativa do (emprego atual) ou inativa (do emprego antigo), terão direito de realizar o saque. Para todos os trabalhadores sem exceção, o valor do saque é o mesmo de R$ 1.045. Independente do número de contas do trabalhador, o valor do saque não pode passar de R$ 1.045.

A Caixa Econômica prevê uma movimentação de R$ 37,8 bilhões em todo o calendário para 60 milhões de trabalhadores.

Poupança digital

A princípio a movimentação do dinheiro depositado aos nascido de novembro será somente por meio do aplicativo CAIXA Tem.

Com o dinheiro já na conta dos trabalhadores ele poderá ser usado para realizar compras em farmácias, supermercados, padarias, e qualquer outro estabelecimento que aceita cartão de débito com o QR Code. É possível também pagar contas de água, luz, telefone, gás e outros boletos no próprio aplicativo.

Após o  dia 14 de novembro data disponível para transferir e sacar o dinheiro, a transferência poderá ser feita para qualquer banco sem custo adicional e o saque nos terminais de autoatendimento da Caixa e nas casas lotéricas.

Facebook Comments

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.