FIES: Você tem até ESTA data para solicitar renegociação das dívidas do financiamento

Estudantes que contrataram o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e estão com o pagamento atrasado podem solicitar a renegociação até o dia 29 de janeiro. No ano passado, o governo aprovou a suspensão do pagamento de até quatro parcelas do financiamento em razão da crise econômica provocada pela pandemia.

FIES: Você tem até ESTA data para solicitar renegociação das dívidas do financiamento
FIES: Você tem até ESTA data para solicitar renegociação das dívidas do financiamento. (Imagem: Marcello Casal Jr/ Ag. Brasil)

Dessa vez, o Comitê Gestor do programa prorrogou o prazo para renegociação de débitos, que terminava em 31 de dezembro de 2020.

Podem fazer a solicitação estudantes com contratos firmados até o segundo semestre de 2017, com débitos vencidos e não pagos até 10 de julho de 2020. Os contratos também não podem estar em ação judicial. O processo pode ser feito diretamente nas agências bancárias responsáveis pelo financiamento estudantil.

Leia mais: Enem 2020: O que PODE e o que NÃO PODE levar no dia da prova?

Como solicitar renegociação

Os interessados deverão solicitar a renegociação no Banco do Brasil ou na Caixa Econômica até o último dia útil de janeiro, ou seja, dia 29. Também é possível fazer o processo por meio dos canais de atendimento disponibilizados pelo agente financeiro.

A renegociação permite que o estudante e seu fiador voltem à condição de adimplência junto ao Fies.

Quem fizer a liquidação em quatro parcelas semestrais e o reparcelamento em até 24 meses terá desconto de 60%. Para pagamentos em até 145 meses o desconto será de 40% e, 25%, para até 175 meses. Quem quitar integralmente os débitos terá redução de 100% nos juros.

Conheça o Fies

O Fies é um programa de financiamento do governo federal, que visa facilitar o acesso ao crédito para financiamento de cursos de ensino superior em instituições privadas.

A iniciativa é voltada a estudantes com renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e o percentual máximo do valor do curso financiado é definido conforme a renda.

Leia mais: ENEM 2020: Inep exige ESTAS medidas de segurança para realização da prova em 2021

Uma segunda categoria, o P-Fies, oferece juros variáveis a alunos com renda mensal familiar de até cinco salários mínimos. Neste caso, o financiamento é mantido por fundos constitucionais e de desenvolvimento e por bancos privados.

Em 2021, o Ministério da Educação (MEC) anunciou que vai abrir 93 mil vagas pelo programa. As inscrições para o primeiro semestre começam em 26 de janeiro e seguem até o dia 29 de janeiro.

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.