Processo seletivo da Polícia Militar de RR; vagas para professores, monitores e instrutores

A Polícia Militar de Roraima (PMRR) abriu um processo seletivo para contratar instrutores e monitores militares e professores civis. As vagas são por tempo determinado para atuação no Curso Especial de Aperfeiçoamento de Sargentos do Quadro Especial de Praças Policiais Militares (CEAS QEP PM 2020.2) e no Curso Especial de Formação de Sargentos do Quadro Especial de Praças Policiais Militares (CEFS QEP PM 2020.2) da PMRR.

Processo seletivo da Polícia Militar de RR; vagas para professores, monitores e instrutores
Processo seletivo da Polícia Militar de RR; vagas para professores, monitores e instrutores. (Imagem: Google)

O local de trabalho será a Academia de Polícia Integrada Coronel Santiago – APICS. Para concorrer, é preciso ter graduação (especialização) e pertencer ao quadro de Oficiais da Polícia Militar/Civil e/ou ST PM ou SGT PM. Para o cargo de monitor, não é necessário possuir curso de graduação ou especialização. Servidores, ativos ou aposentados, do quadro de pessoal das Instituições de Segurança Pública também podem se candidatar para a seleção.

Detalhes do processo seletivo da PMRR

As inscrições devem ser feitas entre 28 de agosto até 13 horas do dia 11 de setembro, pessoalmente na Diretoria de Ensino e Pesquisa – DEP/PMRR, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar de Roraima. O endereço é avenida Capitão Ene Garcez, nº 1769, bairro Mecejana, Boa Vista. O candidato deverá entregar a titulação e optar por duas disciplinas em cada curso.

Leia mais: Prefeitura anuncia processo seletivo com 41 vagas de emprego em Porto Velho- RO.

A seleção será por análise de documentos, com a somatória de pontos de títulos e experiências, de acordo com os critérios do edital. Os profissionais que forem admitidos receberão salário de R$ 30 a R$ 60 por hora/aula. A carga horária será entre 5 a 72 horas. As atividades desempenhadas são:

  • Professor e/ou instrutor: atuar como docente nas Instituições de Segurança Pública, em ações formativas, na modalidade presencial, promovidas pelo Sistema de Segurança Pública do Estado de Roraima.
  • Monitor: atuar no quadro das Instituições de Segurança Pública a fim de auxiliar o professor/instrutor nas aulas com atividades práticas que exijam a presença de um ou mais auxiliares.

As oportunidades disponíveis são divididas em 27 cursos, que abrangem disciplinas militares, administrativas, da área do Direito, Língua Portuguesa e Educação. Do total, seis cursos são do CEAS QEP PM 2020.2 e os outros 21 são do CEFS QEP PM 2020.2.

Facebook Comments

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.