Renda Cidadã: 3 milhões de famílias podem ficar de fora do novo programa do governo

Desde quando anunciou o seu novo programa social Renda Cidadã, a equipe econômica do presidente Jair Bolsonaro tem encontrado muita dificuldade em encaixar um orçamento que não ultrapasse o teto de gastos no programa. Uma nova alternativa que a equipe teve no momento é de diminuir o número dos beneficiários.

Renda Cidadã: 3 milhões de famílias podem ficar de fora do novo programa do governo
Renda Cidadã: 3 milhões de famílias podem ficar de fora do novo programa do governo (Imagem: Reprodução Jornal do Nordeste)

Renda Cidadã

O novo programa social que deve substituir o Bolsa Família, estava previsto para atender 6 milhões de famílias a mais do programa que foi criado pelo ex-presidente Lula, um pouco mais de 14 milhões de famílias beneficiadas.

No dia 23 de setembro de 2020, o senador Márcio Bittar (MDB-AC) relator do orçamento de 2021 e das propostas do Pacto Federativo Emergencial, relatou: “Estamos trabalhando para garantir renda para mais de 20 milhões de famílias”.

No entanto, o programa deve atender apenas metade dessas famílias, ou seja, comparado ao número de famílias que são atendidas hoje pelo bolsa família, o renda cidadã deve atender 3 milhões a mais.

O motivo em diminuir a quantidade das famílias que seriam beneficiadas é o testo de gastos. O congresso e o governo não veem um espaço para um orçamento mais robustos em 2021. Uma das discussões é em aumentar o valor do benefício, que hoje é pago uma média de R$ 190 para os beneficiários do bolsa família para R$ 240.

Caso o governo expandi o benefício para 3 milhões de famílias, o valor do gasto anual será de R$ 49,5 milhões, sendo R$ 17, 5 bilhões acima do orçamento do governo.

Leia mais: Auxílio Emergencial: Caixa libera saque do benefício para os nascidos em setembro

Teto de gastos

Bolsa Família

  • Atendidos: 14,2 milhões de famílias
  • Valor pago: R$ 190 (em média)
  • Orçamento original em 2020: R$ 32 bilhões

Auxílio emergencial

  • Atendidos: 67,2 milhões de pessoas (até agosto)
  • Valor pago: R$ 600 de abril a agosto e R$ 300 de setembro a dezembro (famílias monoparentais femininas recebem em dobro)
  • Orçamento em 2020: R$ 321,8 bilhões

Renda Cidadã (previsão anterior)

  • Atendidos: 20 milhões de famílias
  • Valor pago: cerca de R$ 240
  • Orçamento: R$ 57,6 bilhões

Renda Cidadã (nova previsão em discussão)

  • Atendidos: ao menos 17,2 milhões de famílias
  • Valor pago: cerca de R$ 240
  • Orçamento: ao menos R$ 49,5 bilhões

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.