Risco de alagamentos e deslizamentos aumenta em Alagoas

O risco de alagamentos e deslizamentos aumenta em Alagoascom chuvas contínuas, meteorologistas apontam alertas para a Região Metropolitana de Maceió, Litoral e Zona da Mata. Além de possibilidades de ventos fortes e riscos de descarga elétrica na região.

Risco de alagamentos e deslizamentos aumenta em Alagoas
Risco de alagamentos e deslizamentos aumenta em Alagoas (Foto: Reprodução Google)

Com a onda de chuvas fortes no Nordeste, a capital Maceió, tem riscos de alagamentos e deslizamentos em áreas comprometidas. A Secretaria do Estado do Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Alagoas (Semarh), pontuou a possibilidade de chuva contínua na região.

Acredita-se também que os ventos podem chegar até 60 km/h, o que pode ser um agravante para a situação de alagamento, deslizamento de barreiras, queda de árvores e possibilidade de raios. Os meteorologistas afirmam que a previsão é de chuvas com intensidade fraca e moderada para o dia de hoje (10).

Com o mau tempo, moradores das áreas de encosta da Região Metropolitana de Maceió, Zona da Mata e Litoral, precisam ficar atentos aos mínimos sinais de desabamentos e contatar a Defesa Civil de Alagoas, órgão responsável por amparar a população em situações de perigo. 

Além disso, a Semarh pontua também a possibilidade de chuva leve em outras regiões do Estado de Alagoas, porém, sendo intercaladas com pausas de tempo seco. O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), indica fortes ventos na região, chegando a 60km/h.

Veja também: TSE solicita investigação contra Bolsonaro por vazar inquérito da PF

Mudanças climáticas mundiais

  Cientistas afirmam que frentes frias começarão a ser comuns em territórios brasileiros, apesar de ser uma contradição com o clima tradicional da região. O fenômeno se dá pelo efeito estufa, onde a emissão de gases poluentes aquece a temperatura de maneira acelerada. 

As mudanças climáticas já são uma realidade, e por isso, é possível que longas estiadas ou chuvas fortes e incomuns estejam presentes nos próximos anos.

Atualmente, a previsão da temperatura mínima em Maceió é de 21ºC, com máxima de 28ºC, e nas regiões do Agreste e Sertão, a temperatura pode chegar a 20ºC.

Larissa Luna é graduanda em Psicologia pela Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Como universitária, estuda analises de pesquisas feitas a partir de conceitos sociológicos e antropológicos em paralelo com a Psicologia. Atualmente dedica-se a redação do Jornal O Norte.