Calendário do auxílio emergencial: Confira as datas das últimas parcelas de 2020 e 2021

O auxílio emergencial não vai ser prorrogado para o próximo ano. Isso porque, segundo o presidente Jair Bolsonaro, o país não tem subsídios que garanta a continuidade do programa. Mesmo sem renovação do benefício, muitos brasileiros continuarão recebendo o valor em janeiro. A explicação se deve ao fato de que é somente neste mês que os inclusos do ciclo 5 e 6 poderão realizar saques e transferências com o valor que está em conta digital.

Calendário do auxílio emergencial: Confira as datas das últimas parcelas de 2020 e 2021
Calendário do auxílio emergencial: Confira as datas das últimas parcelas de 2020 e 2021 (Imagem: Montagem / Jornal O Norte)

Os beneficiários do ciclo 5 e 6 vão receber em janeiro de 2021. Para o ciclo 5, os beneficiários receberão o equivalente à 8ª parcela do auxílio emergencial que foi depositada na Poupança Social Digital entre 22 de novembro e 12 de dezembro.

As pessoas que estão incluídas no ciclo 6 vão receber a 9ª e última parcela do benefício. Para este grupo, a parcela já começou ser depositada na conta digital e vai continuar até o dia 29 de dezembro.

Leia mais: Renda Cidadã, Bolsa Família e auxílio emergencial: Bolsonaro assume expectativas para 2021

Anteriormente, na primeira proposta, o auxílio emergencial ia ser pago por apenas três meses. No entanto, como a crise proveniente da pandemia continuou, o benefício foi acrescido de mais duas parcelas no valor de R$ 600.

No dia 2 de setembro, o Governo por meio de portaria permitiu o depósito de mais 4 parcelas do chamado auxílio residual. Este valor pago foi combinado que será a metade do auxílio emergencial.

Desse modo, quem recebia R$ 600, passou a receber R$ 300, já as mulheres chefes de família que recebiam R$ 1,2 mil, com o auxílio emergencial residual passaram a ganhar R$ 600. No total, os beneficiários tem direito a nove parcelas do valor emergencial.

Leia mais: Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 52 milhões; saiba como apostar

Veja a seguir quem recebe a última parcela do auxílio no mês de dezembro:

  • Recebe a 9ª parcela do auxílio residual (R$ 300) a pessoa que recebeu a 1ª parcela em abril;
  • Recebe a 8ª parcela de (R$ 300) o beneficiário que recebeu a 1ª parcela no mês de maio;
  • Recebe a 7ª parcela de (R$ 300) a pessoa que recebeu a 1ª parcela no mês de junho;
  • Recebe a 6ª parcela de (R$ 300) o beneficiário que recebeu a 1ª parcela em julho;
  • Recebe a 6ª parcela de (R$ 300) o beneficiário que realizou contestação entre os dias 14 e 23 de novembro;
  • Recebe a 5ª parcela o cidadão que se cadastrou através dos Correios entre os dias 08 de junho e 02 de julho;
  • Recebe a 5ª parcela o beneficiário que contestou o pedido entre a data 03 de julho e 06 de agosto e posteriormente foi aprovado;
  • Recebe a 4ª e 5ª parcelas a pessoa que realizou contestação entre a data de 20 de julho e 25 de agosto de 2020;
  • Recebe a 3ª, 4ª e 5ª parcelas a pessoa que teve o pagamento reavaliado no mês de outubro;
  • Recebe a 2ª, 3ª, 4ª e 5ª parcelas o cidadão que teve a reavaliação do pagamento no mês de novembro;
  • Recebe a 1ª parcela o cidadão que teve o pagamento reavaliado em novembro.

Calendário do auxílio emergencial em 2021

Acompanhe a lista dos beneficiários do ciclo 5 e 6. Abaixo está o mês de nascimento e a data de saque em 2021:

  • Março: 4 de janeiro
  • Abril: 6 de janeiro
  • Maio: 11 de janeiro
  • Junho: 13 de janeiro
  • Julho: 15 de janeiro
  • Agosto: 18 de janeiro
  • Setembro: 20 de janeiro
  • Outubro: 22 de janeiro
  • Novembro: 25 de janeiro
  • Dezembro: 27 de janeiro

 

 

Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do Jornal O Norte traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.