Câmara de Aracaju-SE reabre processo seletivo com mais de 50 vagas de emprego

A Câmara Municipal de Aracaju no estado de Sergipe, divulgou uma retificação referente ao Concurso Público com 52 vagas e cadastro reserva para os níveis médio, técnico e superior.

Câmara de Aracaju-SE reabre processo seletivo com mais de 50 vagas de emprego
Câmara de Aracaju-SE reabre processo seletivo com mais de 50 vagas de emprego (Imagem: Reprodução G1 Globo)

Conforme foi divulgado no dia 08/09/2020 pela Fundação Getúlio Vargas – FVG Conhecimentos, para os interessados no concurso foram reabertas as inscrições e por consequência do seu adiamento a data das inscrições e da isenção da taxa sofreram alteração.

A reabertura das inscrições começaram no dia 08/09/2020 até 28/09/2020. O prazo para solicitar a isenção de taxa foi do dia 08/09/2020 até 10/09/2020. Quem não conseguiu pedir a isenção da taxa precisa pagar o valor de R$ 70 a R$ 80 reais até às 23h59 de 28/09/2020.

Leia mais: Estão abertas as inscrições para o vestibular da Universidade Federal de Sergipe

Cargos e Vagas para o concurso da câmara

Assistente Administrativo (15), Assistente Legislativo (10), Intérprete e Tradutor de Libras (2), Técnico de Tecnologia da Informação (1), Técnico em Enfermagem (1), Técnico em Segurança do Trabalho (1), Técnico em Taquigrafia (4), Analista Administrativo (5), Analista Legislativo (3), Jornalista (3), Contador (1) Enfermeiro (1), Redator (1), Médico (1), Procurador Judicial (2) e Relações Públicas (1).

Lembrando que para todas as vagas terá cadastro reserva.

Ao serem admitidos, todos os profissionais deverão cumprir carga horária de 30 horas semanais. O salário é entre R$ 1.600,00 a R$ 3.135,00 varia conforme o cargo do candidato.

Prova escrita de múltipla escolha

A prova será composta por questões de múltipla escolha, de caráter eliminatório e classificatório. A prova acontecerá no dia 22/11/2020 na cidade de Aracaju. Para os cargos do Nível Superior será das 8h às 12h e para os Nível Médio e Técnico das 14h às 18h.

A prova escrita de múltipla escolha do Nível Médio e Técnico, será composta por 60 questões distribuídas da seguinte maneira:

  • Língua Portuguesa – 20 questões;
  • Raciocínio Lógico – 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos – 30 questões.

Nível Superior exceto o cargo de Procurador, será composta por 70 questões:

  • Língua Portuguesa – 24 questões;
  • Legislação Específica – 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos – 36 questões.

Nível Superior para o cargo de Procurador, será composta por 80 questões:

  • Língua Portuguesa – 30 questões;
  • Legislação Específica – 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos – 40 questões.

Após aprovados na prova objetiva, os candidatos serão avaliados por meio de prova prática e avaliação de títulos. As questões e formato da prova será de acordo com o cargo escolhido.

O concurso terá duração de dois anos, desde a data da homologação até o resultado final. Conforme os critérios e exigências da Câmara ele poderá ser prorrogado por mais dois anos.

Facebook Comments

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.