Carnaval 2021: Ministro do Turismo toma decisão sobre o feriado

Em entrevista concedida ao SBT, Gilson Machado, Ministro do Turismo, falou sobre a possibilidade de haver festa de Carnaval em 2021. Segundo Gilson o feriado de Carnaval está mantido. Contudo, não existem condições para realização da festa. Ele chegou a chamar o feriado de “festa profana”. 

Carnaval 2021: Ministro do Turismo toma decisão sobre o feriado
Carnaval 2021: Ministro do Turismo toma decisão sobre o feriado (Imagem / Reprodução: Google)

“Vamos continuar tendo o feriado do Carnaval como todo ano teve e nos mesmos dias que tem. Quem tava indeciso se ia comprar um pacote turístico, se ia comprar a passagem aérea, fique sabendo que nosso governo não vai fazer nada para proibir o feriado do Carnaval. Agora a festa, que é uma festa profana e todo mundo sabe, aí fica a cargo dos governos e o que eu estou vendo, o que estou falando com os secretários de turismo e com os governadores é que, infelizmente, nós não temos segurança sanitária para fazer aglomeração do tamanho que o Carnaval faz ainda”, afirmou o ministro. 

Leia mais: Deputados estudam ampliar acesso ao BPC em 2021; quem pode receber R$1.100?

Cancelamento do Carnaval 2021 e mais

Desde o ano passado que festas como a do São João vem sendo canceladas por causa da pandemia do novo coronavírus. Este ano não seria diferente. 

Dessa vez o Carnaval entrou pra lista de cancelamento. Por outro lado, o feriado se mantém. 

Alguns lugares famosos pela celebração da festa como o Rio de Janeiro, conhecido mundialmente pelos desfiles das escolas de samba, adiou o carnaval ainda em 2020 sem dar uma nova data para o acontecimento

O de Salvador, na Bahia, assim como os de Recife e de Olinda, em Pernambuco, também estão suspensos por tempo indeterminado.

Leia mais: Eleições 2020: Quem não votou no primeiro turno tem mais DOIS dias para justificar

Plano de vacinação 

Contudo, até que a população esteja completamente imunizada, situações como essa serão muito comuns no Brasil. 

Nesta quarta-feira Eduardo Pazuello, Ministro da Saúde, que a poucos dias falou sobre o plano de vacinação dizendo que começaria no Dia D e na Hora H, informou que a ideia é que ele aconteça na próxima terça-feira (19).

A data específica tem um intuito: será o dia em que governadores estarão reunidos em Brasília para participar de um compromisso com Pazuello. 

O evento acontecerá no Palácio do Planalto e deve imunizar uma idosa e um profissional da saúde.