Conheça os pré-candidatos a prefeitura de Belém do Pará nas Eleições 2020

As convenções partidárias para escolher quais candidatos irão concorrer às eleições 2020 serão realizadas até o dia 5 de agosto, conforme determina o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Porém, os pré-candidatos já estão se articulando desde o ano passado em busca de um lugar na cadeira de prefeito. Conheça os principais pré-candidatos à prefeito em Belém do Pará.

Conheça os pré-candidatos a prefeitura de Belém nas Eleições 2020
Conheça os pré-candidatos a prefeitura de Belém nas Eleições 2020 (Imagem: Agência Brasil)

Na capital paraense, os grupos políticos estão divididos entre os aliados do atual prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho (PSDB), aliados no ex-prefeito aliados do ex-prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues (Psol) e o grupo político de apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas que foi eleito pelo PSL.

Entre os nomes dos pré-candidatos ao executivo municipal do Pará está o do ex-governador Simão Jatene (PSDB). Mas a tarefa de ser prefeito para ele não será fácil.

Caso aceite concorrer ao cargo terá entraves internos dentro do partido, apesar de ser o principal nome tucano para o pleito.

Muitos apostam na liderança de Jatene e nos feitos realizados nas outras três administrações como governador do Estado, como as obras, visando estar à frente do adversário que virá do MDB, sigla que tem a máquina estadual atualmente.

Ainda do grupo do PSDB estão o pré-candidato, deputado federal Celso Sabino, o atual presidente da Câmara dos Vereadores de Belém Mauro Freitas (PSDC), além dos aliados do antigo PPS, atual Cidadania, deputado estadual Tiago Araújo e ex-deputado Arnaldo Jordy.

Em aliança ao PT, o deputado federal Edmilson Rodrigues (Psol) deve ser candidato a prefeito. Seria a primeira vez que o PT não disputaria a prefeitura de Belém com candidatura própria.

Leia mais: Eleições 2020: João Pessoa terá 13 prováveis candidatos à prefeitura

Partido do governador do Pará ainda sem definição para as Eleições 2020.

O partido que parece ainda não ter definição de pré-candidato às eleições 2020 é o MDB. Úrsula Vidal seria um forte nome, segundo as perspectivas do grupo, pois obteve quase 20% dos votos dos votantes de Belém em 2018, quando disputou o Senado Federal pelo Psol. O impasse para o momento é que a candidata não se filiou a nenhum partido.

O vice-prefeito de Belém, Orlando Reis parece querer estar no páreo. Reis foi vereador de Belém por quatro mandatos e seu nome é aposta para que seja escolhido pelo governador para disputar a prefeitura de Belém.

Outros aliados de Helder disputam a preferência, como deputado Gustavo Sefer (PSD) e a mãe do governador, a deputada federal Elcione Barbalho (MDB), também aparece como um nome forte na disputa interna do MDB, apesar de seu nome ser pouco provável para as eleições 2020.

Mara Rodrigues é formada em jornalismo pela Universidade Estácio de Sá com mais de 13 anos de experiência. Já atuou como repórter de economia e polícia do jornal O Estado, repórter de cotidiano da TV Diário e assessora de comunicação. Atualmente trabalha como repórter de cotidiano da TV Cidade, filiada da Record TV no Ceará e dedica-se a redação do jornal O Norte.