Eleições 2020: Conheça o ‘Tinder Eleitoral’ e saiba como acompanhar os seus candidatos

A plataforma #TemMeuVoto é mais uma opção que contribui para que os eleitores façam uma boa escolha nas eleições de 2020. Similar aos aplicativos de relacionamentos, mas voltada para as eleições, ela auxilia na busca do candidato ideal, por afinidade de ideias.

Eleições 2020: Conheça o 'Tinder Eleitoral' e saiba como acompanhar os seus candidatos
Eleições 2020: Conheça o ‘Tinder Eleitoral’ e saiba como acompanhar os seus candidatos. (Imagem: Marcello Casal Jr/ Ag. Brasil)

O alinhamento é feito a partir de perguntas que apontam quais políticos têm ideias semelhantes às do eleitor. Para participar, o usuário precisa responder questionamentos sobre temas que considera prioritários, como saúde, educação, cultura, transporte e outros. Não é necessário cadastro prévio. Depois das respostas, é apresentada uma lista com os candidatos a vereador mais próximos dos ideais do eleitor.

Orientações na escolha dos candidatos das eleições

Os usuários podem clicar em cada perfil e ter acesso a mais informações, como partido, minibiografia, sites oficiais, prioridades e posição ideológica. O eleitor também pode refinar a escolha por sexo e raça do candidato. Ao final, a ferramenta também permite marcar os favoritos e gerar uma “colinha eletrônica”.

As informações do Tem Meu Voto são disponibilizadas por fontes públicas oficiais, como o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além da escolha, a ferramenta pode ajudar a dar mais visibilidade para candidaturas pequenas, por exemplo, sem muito investimento ou apoio partidário.

Leia mais: Eleições 2020: TSE anuncia assistente virtual para tirar dúvida dos eleitores

Além da plataforma, a Justiça Eleitoral destaca a importância de pesquisar sobre os candidatos, uma vez que não há um controle sobre as respostas do Tem Meu Voto. Dessa forma, alguns políticos podem se aproveitar da ferramenta para mostrar um perfil diferente.

Nas últimas eleições gerais, em 2018, a plataforma teve 34 milhões de acessos e 1,5 milhão de escolhas por afinidade, os chamados ‘matches’. Nas eleições deste ano, a expectativa é dobrar os números. Desde que a plataforma foi ao ar, há 15 dias, já foram mais de 500 mil acessos.

Outros aplicativos disponíveis para eleitores, mesários e candidatos são: Boletim de Mão, Mesário, e-Título, Pardal e Resultados. Todos estão disponíveis nas lojas virtuais Google Play e App Store e podem ser encontrados pelo site do TSE.

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.