Liberada 1ª parcela do auxílio emergencial extra para beneficiários fora do Bolsa Família

Na última segunda-feira (28), o Diário Oficial divulgou o calendário de pagamento do auxílio reduzido em R$300, e é liberada a primeira parcela para os beneficiários que não tem direito ao Bolsa Família.

Liberada primeira parcela do auxílio residual para beneficiários fora do Bolsa Família
Liberada primeira parcela do auxílio residual para beneficiários fora do Bolsa Família (Foto: Reprodução Google)

Para os nascido em Janeiro que receberam a primeira parcela do auxilio de R$600 em Abril, foi liberada a primeira parcela de R$300 hoje (30), cerca de 27 milhões de pessoas que não estão inseridas no programa Bolsa Família, estarão recebendo a prorrogação do auxílio emergencial.

O Ministério da Cidadania informou ainda que somente 56,25% dos aprovados no auxilio no inicio da pandemia, está dentro dos requisitos para receber as 4 parcelas de R$300, 48 milhões estavam recebendo R$600.

Mães monoparentais receberão o dobro, R$600. E pelas regras da prorrogação, somente quem já recebeu as 5 parcelas iniciadas em Abril, poderão receber todas as quatro parcelas.

Leia mais: Conheça o projeto que perdoa dívidas de quem recebeu o auxílio emergencial indevidamente

O ministério informa ainda que:

“Serão 27 milhões de pessoas que receberão R$ 300 ou R$ 600 (no caso de mães monoparentais), o que totaliza um investimento do governo federal de mais de R$ 9 bilhões. Assim como ocorreu até o presente momento, o calendário seguirá o mês de nascimento dos beneficiários, ou seja, os créditos se iniciarão por aqueles nascidos em janeiro, depois fevereiro, março e assim sucessivamente, em poupança social digital já existente em seu nome” em nota divulgada.

A prorrogação do auxilio foi anunciada no inicio deste mês, e só agora os calendário foi divulgado.

Veja quem NÃO está apto para receber R$300 do auxílio emergencial

Algumas mudanças foram feitas para evitarfraudes no sistema do auxílio emergencial, algumas delas:

  • Menores de 18 anos, exceto mães adolescentes;
  • Pessoas em regime fechado;
  • Não reside no Brasil;
  • Quem possuí renda mensal acima de meio salário mínimo e renda familiar total acima de 3 salários mínimos;
  • Está empregado com carteira assinada;
  • Recebe beneficio previdenciário, ou programa de transferência sobre renda federal após o recebimento do auxílio;
  • Possuí bens acima de R$300 mil;
  • Recebeu cerca de R$40mil em 2019;
  • Possuí indicativo de óbito.

O calendário da primeira parcela da prorrogação, continua sendo pela data de nascimento. Recebe agora, quem adquiriu a primeira parcela de R$600 em abril, confira:

  • Nascidos em Jan – 30/09
  • Nascidos em Fev – 5/1o
  • Nascidos em Mar – 7/10
  • Nascidos em Abr – 9/10
  • Nascidos em Mai – 11/10
  • Nascidos em Jun – 14/10
  • Nascidos em Jul – 16/10
  • Nascidos em Ago – 21/10
  • Nascidos em Set – 25/10
  • Nascidos em Out – 28/10
  • Nascidos em Nov – 29/10
  • Nascidos em Dez – 01/11

Larissa Luna é graduanda em Psicologia pela Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Como universitária, estuda analises de pesquisas feitas a partir de conceitos sociológicos e antropológicos em paralelo com a Psicologia. Atualmente dedica-se a redação do Jornal O Norte.