PARÁ: Academia da capital é fechada pela fiscalização

Esta segunda-feira (6) foi dia de reabertura das academias da capital paraense, conforme
determinação do Decreto Municipal nº 96.378/2020, atualizado em 26 de junho,
sobre a retomada gradual das atividades econômicas.
Neste primeiro da retomada das atividades, agentes do Comitê de Segurança Municipal
fiscalizaram academias nos bairros da Pedreira, Marco e Umarizal, para
verificar o cumprimento do protocolo sanitário.
Ao todo, 14 academias foram fiscalizadas nesta segunda, sendo uma advertida e outra fechada
por descumprimento das medidas.
Em uma academia
localizada na travessa Humaitá, na Pedreira, os administradores foram
orientados a fazer o agendamento dos clientes por telefone, para evitar
aglomerações no local.
“De maneira geral, foi um momento de uma redescoberta desse novo normal. E está sendo
tranquilo este retorno. No período de paralisação oferecemos treinos em casa”,
ressaltou Fernando Farias, gerente da academia.
Outra academia, também situada na Marques de Herval, foi advertida. “Esta academia não está
atendendo nenhum requisito do protocolo. Estavam ansiosos para reabrir e a
academia não está preparada. Estamos fazendo uma advertência verbal e
orientando para seguirem os protocolos. Ela só vai reabrir depois que tiver
adequada para atender com segurança as pessoas que frequentam o local”,
declarou Elizete Cardoso, coordenadora da Ordem Pública.
“A fiscalização será todos os dias, porque existem muitas academias em Belém, e as
pessoas gostam de se exercitar, mas se a academia não seguir os protocolos
exigidos não vai poder funcionar”, afirmou ela.
“Dentro do protocolo, além das medidas gerais de uso de máscara, é preciso agendar o
treinamento do cliente para evitar aglomeração, manter o distanciamento de dois
metros entre os aparelhos, não pode usar celular e uma série de outros
requisitos para que as academias voltem com segurança”, completa.

Fonte: Diário do Pará

Facebook Comments