Pará realiza agendamento para emissão de documentos em Ananindeua

Caravana de Cidadania chega nesta sexta-feira (16) e sábado (17) na Escola Laércio Wilson, em Ananindeua, região metropolitana de Belém. Os moradores do bairro Curuçambá poderão emitir documentos, participar de oficinas, capacitação profissional e palestras. Os serviços são gratuitos no estado do Pará.

Pará realiza agendamento para emissão de documentos em Ananindeua(Foto: Magda Oliveira/G1)
Pará realiza agendamento para emissão de documentos em Ananindeua(Foto: Magda Oliveira/G1)


A ação é promovida pela Sejudh (Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos), em parceria com diversas entidades e órgãos, para que a população local possa realizar agendamentos para emissão gratuita de documentos; seja jovens, mulheres ou agentes comunitários de saúde.

Entre os documentos podem ser emitidos, estão: identidades, carteiras de trabalho, certidões de nascimento e segunda via de casamento.

Além da solicitação de documentos, os presentes também poderão participar de capacitação de profissionais da assistência do Creas (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), terão atendimento e orientação sobre Direito do Consumidor e oficinas que vão tratar de diversos temas, como tráfico de pessoas, e palestras à comunidade LGBTQIA+.

Outras edições do projeto no Pará

Ainda na primeira edição de 2020, o coordenador de cidadania e direitos humanos da Sejudh, Bruno Melo, declarou ao portal oficial da organização que a intenção seria percorrer cidades em que a população não possuísse esse tipo de atendimento prestado.

“Colocamos a caravana nas estradas para começar a percorrer vários municípios, pois sabemos que, em muitas localidades, os moradores não têm acesso a este serviço com facilidade e nem condições de pagar uma emissão”.

Ano passado, apenas em um dia, foram emitidos 2.300 documentos nos municípios de Ourilândia, Xinguara, Eldorado dos Carajás, Itupiranga, Marabá, Nova Ipixuna, Jacundá e Tailândia.

Leia mais: Eleições 2020: Veja os planos de governo dos candidatos a prefeito de Belém para crianças

À época, o diretor da Diretoria de Cidadania e Direitos Humanos, Mayky Franco, explicou que o intuito é atender, inclusive, os que vivem em vilarejos e distritos mais distantes, onde o acesso seja difícil.

“O nosso objetivo é atender, sempre, os municípios que mais precisam do nosso apoio. Então, nós costumamos fazer mapeamentos para verificar essas localidades”.

De acordo com informações do portal, em 2019, a Secretaria registrou mais de 30 mil atendimentos para emissão de documentos na sede, polos e caravanas com ações de cidadania que percorreram vários municípios do Estado.

Serviço

Sejudh realiza Caravana de Cidadania em Ananindeua
Data: 16/10/2020, às 8h
Endereço: Rua Ferreira Gomes Quadra 28, s/n – Curuçambá, Ananindeua

Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.