Perícias médicas do INSS voltam a ser obrigatórias em 2021; veja como agendar a sua

Com o retorno gradativo do funcionamento das agências do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e exigência de perícias médicas para concessão de benefícios, cidadãos brasileiros que precisam das consultas obrigatórias para receber o benefício devem agendar a ida à unidade do órgão em 2021.

Perícias médicas do INSS voltam a ser obrigatórias em 2021; veja como agendar a sua (Imagem: Antonio Valiente / Agência RBS)
Perícias médicas do INSS voltam a ser obrigatórias em 2021; veja como agendar a sua (Imagem: Antonio Valiente / Agência RBS)

Os atendimentos presenciais do INSS foram suspensos em março, ainda com os registros dos primeiros casos do novo coronavírus no país. Em setembro, as unidades começaram a reabrir de forma tímida com os médicos peritos presentes.

De acordo com relatório apresentado pelo CNPS (Conselho Nacional de Previdência Social) na primeira semana de dezembro, 1.062 agências estão abertas para realização de serviços em todo o país, mas apenas 471 estão com atendimento pericial.

Leia mais: INSS 2021: Confira o calendário de pagamento dos BENEFÍCIOS no próximo ano

É através dessas perícias que os segurados têm acesso a benefícios como: auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, aposentadoria da pessoa com deficiência, BPC (Benefício de Prestação Continuada), entre outros.

É possível realizar uma consulta de quais agências estão com o atendimento presencial restabelecido através do site do órgão. No menu à esquerda, clique na opção ‘Mapa das agências abertas’ e selecione seu estado.

Como agendar

Seguindo a retomada gradativa, as agências estão atendendo apenas por agendamento; que pode ser efetuado pelo site Meu INSS e pelo aplicativo que leva o mesmo nome do site ou pelo telefone 135. Veja como fazer o agendamento pelo site:

  • Acesse o aplicativo ou site do Meu INSS;
  • Efetue o login na plataforma;
  • Clique em ‘Agendar Perícia’;
  • Selecione uma das opções: ‘Perícia inicial’; ‘Perícia de prorrogação’; ou “Remarcar perícia” (reagendamento);
  • Siga os próximos passos e finalize o agendamento.

O acompanhamento do pedido pode ser realizado por meio da opção ‘Agendamentos/Solicitações’

Leia mais: INSS: Justiça libera atrasados com valores ACIMA dos R$ 60 mil; saiba QUEM recebe

Antecipação do auxílio-doença do INSS

Mesmo com a volta da perícia nas agências, ainda é possível pedir a antecipação de R$ 1.045 do auxílio-doença ao INSS, de forma remota, até 31 de outubro. Neste caso, o segurado deve anexar um atestado médico junto ao requerimento, feito, exclusivamente, pelo Meu INSS.

Para quem teve a concessão da antecipação de R$ 1.045 do auxílio-doença até 2 de julho, desde que o benefício não tivesse prorrogação, o INSS divulgou que a diferença dos atrasados (caso haja) será quitada automaticamente até o final de outubro, sem realização de perícia. O órgão diz que a data ainda será divulgada.

Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.