Seleção de saúde abre 828 vagas em Pernambuco com salários de R$ 9,8 MIL

Nesta segunda-feira (18) serão abertas as inscrições para a seleção de saúde de Pernambuco. O concurso oferece 828 vagas para contratação de caráter temporário. Os profissionais deverão atuar nas unidades de saúdes onde estão feitos tratamentos contra a Covid-19.

Seleção de saúde abre 828 vagas em Pernambuco com salários de R$ 9,8 MIL
Seleção de saúde abre 828 vagas em Pernambuco com salários de R$ 9,8 MIL (Imagem: Reprodução Agência Brasil)

Inscrições em Pernambuco

As inscrições começam no dia 18 de janeiro e vão até 21 de janeiro de 2021.

Os interessados devem se candidatar através do site da ESPPE. Os candidatos precisam preencher um formulário e anexar os documentos exigidos no edital, como: RG, CPF, nome completo do candidato e comprovante de residência.

Requisitos para inscrição:

  • Diploma ou declaração de conclusão de Graduação em Medicina fornecida por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC);
  • Carteira do Conselho Regional de Medicina e/ou Declaração de Inscrição.

Vagas e salários

As vagas oferecidas são para os cargos de:

  • 258 Médicos;
  • 234 Analistas em Saúde;
  • 336 Assistentes em Saúde

As vagas tem duração de 12 meses, porém, pode ser prorrogada por mais um ano. Os salários podem chegar até R$ 9.886, 16, de acordo com o cargo escolhido.

Seleção

O processo seletivo será composta por uma única etapa de caráter classificatório e eliminatório, que consistirá em Avaliação Curricular.

Participarão da Avaliação Curricular todos os candidatos devidamente inscritos na seleção, que serão avaliados desde que corretamente comprovadas com a documentação solicitada.

O resultado será divulgado nos endereços eletrônicos http://ead.saude.pe.gov.br e
www.saude.pe.gov.br no dia 3 de fevereiro de 2021.

Leia mais: Sebrae Pernambuco oferece cursos online GRATUITOS; saiba como se inscrever

Conforme divulgado pela Seleção Pública Simplificada regida pela PORTARIA CONJUNTA SAD/SES, só poderão participar os candidatos que não estiverem com Covid-19 e que não fazem parte do grupo de risco.

Grupo de risco:

Doenças cardíacas crônicas:

  • Doença cardíaca congênita;
  • Insuficiência cardíaca mal controlada e refratária;
  • Doença cardíaca isquêmica descompensada;

Doenças respiratórias crônicas:

  • DPOC e Asma controlados;
  • Doenças pulmonares intersticiais com complicações;
  • Fibrose cística com infecções recorrentes;
  • Crianças com doença pulmonar crônica da prematuridade;

Doenças renais crônicas:

  • Em estágio avançado (Graus 3,4 e 5);
  • Pacientes em diálise;

Imunossupressos:

  • Transplantados de órgãos sólidos e de medula óssea;
  • Imunossupressão por doenças e/ou medicamentos (em vigência de quimioterapia/radioterapia, entre outros medicamentos);
  • Portadores de doenças cromossômicas e com estado de fragilidade imunológica;
  •  Diabetes;
  • Gestantes ou puérperas.

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.