Alunos da rede estadual de Pernambuco podem ser REPROVADOS? Entenda a decisão do governo

O Governo de Pernambuco anunciou a decisão que tranquilizou alguns estudantes sobre o fim do calendário escolar: por meio de um decreto, informou que não haverá reprovação neste ano letivo. A afirmação não estende para alunos desistentes. De acordo com o estado, o critério de avaliação será em um ciclo único de aprendizagem, levando em consideração o desempenho entre os anos 2020 e 2021.

Alunos da rede estadual de Pernambuco podem ser REPROVADOS? Entenda a decisão do governo
Alunos da rede estadual de Pernambuco podem ser REPROVADOS? Entenda a decisão do governo (Imagem: Bruna Campos / Folha PE)

As normas que informam como será realizado o processo de aprovação será divulgado até sexta-feira (04). Juntamente com as normas, serão definidos os prazos sobre as férias e o calendário referente ao ano de 2021.

Dentre os 560 mil alunos na rede pública de ensino, a flexibilização e a retomada das aulas foi direcionada apenas aos estudantes do ensino médio. O retorno aconteceu no dia 21 de outubro.

Os demais alunos ingressos no ensino fundamental ainda não tem data para a volta das aulas presenciais. O ensino remoto continua sendo disponibilizado para cerca de 180 mil alunos da rede básica de ensino.

Leia mais: Paulista-PE abre MAIS de 100 vagas de emprego para profissionais da saúde; inscreva-se

Fred Amancio, secretário de educação, informou que a decisão de não haver reprovação não significa que todos os alunos estão aprovados e sim que o veredito final sobre o desempenho de cada um será ofertado apenas no fim de 2021.

Durante a entrevista, o secretário explica que haverá regras próprias para estudantes do 9º ano do ensino fundamental e 3º ano do ensino médio. Isso porque estas são as fases concluintes da educação básica e precisam de uma atenção mais significativa.

No início de 2021, um diagnóstico de aprendizagem será realizado aos alunos da rede pública de ensino com o intuito de direcionar estratégias e estabelecer protocolos de didática escolar.

Leia mais: Estudantes da rede municipal do Recife recebem vale alimentação de R$ 60

Calendário letivo em Pernambuco

De acordo com a secretaria, o estado tem a proposta de concluir o calendário letivo de 2020 em 15 de janeiro de 2021, com férias estabelecidas entre 18 de janeiro e 17 de fevereiro. Contudo, os professores da rede não aceitaram a ideia e defendem que as férias sejam estabelecidas durante todo o mês de janeiro.

O sindicato dos professores não foi informado sobre possíveis novas datas e anuncia que uma reunião está marcada para a próxima sexta-feira. Fred esclarece que vai liberar as datas de realização das matrículas e o calendário letivo para o próximo ano.

Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do Jornal O Norte traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.