Black Friday 2020: Saiba como NÃO cair em golpes ao fazer compras na internet

A Black Friday é o momento essencial para quem deseja fazer compras com um desconto bem especial. No entanto, podem acontecer muitos golpes e prejuízos, principalmente para aqueles que desejam comprar pela internet. Para que os consumidores possam adquirir os produtos com mais segurança, o Procon de Natal fez um alerta sobre os riscos e disponibiliza dicas importantes. Confira.

Black Friday 2020: Saiba como NÃO cair em golpes ao fazer compras na internet
Black Friday 2020: Saiba como NÃO cair em golpes ao fazer compras na internet (Imagem: Linus Schütz / Pixabay)

O órgão liberou uma série de dicas para que os consumidores não caiam em golpes que estão cada vez mais frequentes. O primeiro e principal conselho é ficar atento aos preços que estão muito abaixo do mercado. Essa é a forma mais utilizada para atrair compradores e causar muita dor de cabeça neste momento de vendas.

Os cuidados são necessários, já que em anos anteriores houve diversas reclamações de consumidores sobre realizações de promoções avantajadas e falsas, além de publicidades enganosas. Uma dica é que o consumidor arquive toda e qualquer prova (ofertas físicas ou virtuais) referente ao produto ou serviço que deseja adquirir, como por exemplo, ‘prints’ com os valores/ofertas dos produtos ou serviços praticados por determinado estabelecimento para, assim, utilizar como comprovação de questionamentos futuros, caso seja necessário”, instrui o diretor-geral do Procon, Gleiber Dantas.

Ficar atento a qualquer situação suspeita é essencial. Isso porque essa ação facilita o trabalho da polícia, caso o consumidor esteja sofrendo um golpe virtual.

Leia mais: Black Friday 2020: Saiba como proteger o PIX e não cair em GOLPES

Dicas aos consumidores da Black Friday

Analisar os procedimentos de trocas, as legendas das fotos, as datas dos produtos nas páginas, os telefones para possíveis sugestões ou reclamações, são métodos acertados para evitar ser enganado no período da Black Friday.

O contrato de compra precisa ser liberado antes que o consumidor finalize o momento de compra. Nesta etapa, é crucial que o comprador salve o documento, imprima ou guarde no dispositivo para posterior reclamação, caso seja necessário.

Leia mais: Bolsonaro diz não saber ‘onde buscar dinheiro’ para financiar Renda Cidadã em 2021, e agora?

A escolha do site é uma forma inteligente de se precaver. Procurar por links confiáveis, lojas que já sejam reconhecidas no mercado, buscar por  indicação são dicas fundamentais. Gleiber Dantas reitera:

Pesquise, avalie, busque. Se for uma compra virtual, opte por sites confiáveis e de credibilidade. Se for compra presencial, pesquise em diversas lojas. O consumidor, principalmente nas compras virtuais, não deve se deixar levar por promoções avantajadas demais, desconfie”.

O Procon de Natal esclarece que é de suma importância que o consumidor esteja atento ao valor total da compra e não apenas a parcela. Essa ação evita cair em golpes e se proteger de uma possível compra indesejada.

Cobertura e repercussão de assuntos que impactam o bolso de todos os brasileiros. A redação do Jornal O Norte traz diariamente assuntos relevantes de uma forma descomplicada e confiável.