Bolsa Família: Veja como solicitar empréstimo de até R$ 15 MIL com o seu benefício

O Bolsa Família agregou uma nova linha de crédito para os Microempreendedores Individuais (MEI). O serviço está disponível para todos os empreendedores de baixa renda e que não possui condições para investir no seu próprio negócio.

Bolsa Família: Veja como solicitar empréstimo de até R$ 15 MIL com o seu benefício
Bolsa Família: Veja como solicitar empréstimo de até R$ 15 MIL com o seu benefício (Imagem: Reprodução Jornal Contábil)

Quem pode solicitar o empréstimo?

A nova linha de crédito Progredir está disponível para os beneficiários do Bolsa Família. O seu grande diferencial das outras linhas de créditos já existentes são: a sua rápida aprovação e os juros menores daqueles que são aplicados nas outras modalidades.

Ela foi criada para ajudar os empreendedores de baixa renda e que não têm condições financeiras para investir no seu próprio negócio. É válido ressaltar que, todo o valor obtido no empréstimo deve ser usado apenas para o empreendimento, isto é, ele não pode ser usado para pagar dívidas, comprar automóveis ou outros itens pessoais.

Os valores disponibilizados pelo empréstimo varia de R$ 300 a R$ 15 mil. O que determina o valor são os bancos provedores de créditos, dentro das suas condições de pagamentos e taxas de juros. Cada banco possui a sua linha de crédito e suas taxas de juros. As propostas serão analisadas cuidadosamente para escolher a mais vantajosa para o negócio evitando assim, possíveis endividamentos.

Leia mais: Veja previsão do NOVO valor para o salário mínimo 2021

Como solicitar o empréstimo do Bolsa Família?

A primeira etapa para solicitar o empréstimo é a abertura do MEI e logo em seguida se inscrever no Cadastro Único (CadÚnico) que é o departamento responsável pelos cadastros e solicitações junto aos programas sociais do Governo Federal.

Após realizar a inscrição junto ao CadÚnico é necessário fazer o cadastro no programa Progredir. O cadastro irá solicitar alguns dados pessoais como nome, CPF, endereço e idade. Feito isso o seu cadastro será disponibilizado e encaminhado para análise no banco que irá determinar as condições e valores disponíveis para cada caso.

O envio das informações também pode acontecer via internet pelo portal do Ministério do Desenvolvimento Social, permitindo que mais de uma instituição bancária faça a avaliação do perfil solicitante e entre em contato com propostas de microcrédito.

Além disso, os requisitos abaixo também são necessários:

  • Ser maior de 18 anos;
  • Possuir conta aberta na Caixa Econômica Federal;
  • Ser um MEI – Microempreendedor Individual;
  • Não ter restrições de inadimplência em órgãos como Serasa e SCPC;
  • Ser cadastrado no CadÚnico e Bolsa Família;
  • Realizar um cadastro no Programa Progredir.

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.