CNH: Veja o que muda para os condutores com as NOVAS regras do documento

Desde o ano passado, o presidente Jair Bolsonaro apresentou ao Congresso Nacional, o texto que se refere as mudanças nas leis de trânsito do Brasil. Agora, depois de sancionada, algumas flexibilizações serão realizadas entre elas, normas que se referem a CNH.

CNH: Veja o que muda para os condutores com a NOVAS regras do documento (Foto: Reprodução Google)
CNH: Veja o que muda para os condutores com a NOVAS regras do documento (Foto: Reprodução Google)

Na última terça-feira (13) o Código de Trânsito Brasileiro foi alterado e novas regras foram sancionadas pelo presidente Jair Bolsonaro. O Congresso Nacional aprovou a mudança no mês de setembro

Não somente os motoristas, mas pedestres e todo o sistema de fiscalização e auxílio aos possíveis acidentes nas rodovias, serão impactados.

Uma das principais mudanças é a flexibilização nas multas leves e médias que agora poderão ser punidas com advertências, se o condutor não tiver reincidentes.

As mudanças afetarão também o prazo de validade da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), agora serão 10 anos para condutores com menos de 50 anos, renovarem o documento.

O presidente também afirmou que pretende implementar novas mudanças nas regras, ao lado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, ele afirma: “Não era aquilo que nós queríamos, mas houve algum avanço. Com toda a certeza, no ano que vem a gente pode apresentar novo projeto buscando corrigir mais alguma coisa. A intenção nossa é facilitar a vida do motorista”

Leia mais: CNH Social: VOCÊ pode se inscrever? Veja detalhes do programa!

Mudanças de regras do CNH

  • Maior tempo de renovação da carteira de motorista;

Para condutores de até 50 anos, serão 10 anos para renovar. De 50 a 70 anos, a cada 5 anos e partir de 70 anos, a cada 3 anos.

  • Pontuação para suspender carteira;

Para quem tiver duas infrções gravíssimas em 1 ano, serão 20 pontos, para quem tiver uma infração gravíssima serão 30 pontos, e para quem não tiver infrações gravíssimas, até 40 pontos.

  • Uso dos faróis de dia;

Agora, é obrigatório apenas em rodovias de pista simples.

  • Transporte de crianças;

Crianças de até 10 anos devem usar obrigatoriamente a cadeirinha ou assento, a multa é por infração gravíssima.

  • Ciclistas;

Aos condutores que estacionarem em ciclofaixa, receberão multas por infração grave.

  • Exames toxicológicos;

Agora serão obrigatórios, a cada dois anos e meio, para renovar carteiras das categorias C, D e E..

  • Ensino do trânsito;

Crianças e adolescentes , agora terão aulas teóricas e práticas sobre legislação, sinalização e comportamento no trânsito.

Larissa Luna é graduanda em Psicologia pela Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Como universitária, estuda analises de pesquisas feitas a partir de conceitos sociológicos e antropológicos em paralelo com a Psicologia. Atualmente dedica-se a redação do Jornal O Norte.