Concurso no Pará anuncia mais de 300 vagas em todos os níveis de escolaridade

Concurso público que visa o preenchimento de 380 vagas na Prefeitura de Marapanim, no Pará, está suspenso por tempo indeterminado, até deliberação do TCM (Tribunal de Contas dos Municípios do Estado do Pará). Os salários chegam a mais de R$ 2 mil.

Concurso no Pará anuncia mais de 300 vagas em todos os níveis de escolaridade (Foto: Sirli Freitas/Agência RBS/Arquivo)
Concurso no Pará anuncia mais de 300 vagas em todos os níveis de escolaridade (Foto: Sirli Freitas/Agência RBS/Arquivo)

As vagas são para os níveis de ensino fundamental, médio e de níveis técnico e superior; com atividades a serem desempenhadas em carga horária que variam entre 30 horas semanais e 100 horas mensais. Já os salários, alternam de R$ 1.045,00 a R$ 3.193,00 ao mês, além de outros benefícios especificados no edital, a depender do cargo pretendido. Há chances reservadas às pessoas que se enquadram nos requisitos do edital.

Leia mais: Detran-PA: Prorrogado até dia (16) prazo para regularização veicular no estado

A classificação dos candidatos inscritos consistirá em uma prova escrita objetiva para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório, e prova de títulos para todas as funções de nível superior, de caráter apenas classificatório. As provas objetivas serão compostas por questões de língua portuguesa, informática básica, raciocínio lógico, matemática, atualidades e conhecimentos específicos, terá três horas de duração. O concurso será válido por dois anos e poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, conforme descrito no edital.

Das inscrições

Para participar, os interessados deveriam realizar as inscrições até o dia 20 de outubro, via internet, no site da banca examinadora. Mas, agora, é preciso aguardar novo comunicado para a liberação e retorno das inscrições. As taxas de inscrições variam de R$ 60,00, R$ 80,00 e R$ 90,00.

Vagas disponíveis para o concurso

De acordo com o edital das vagas oferecidas são as seguintes: agente de portaria (5); agente de serviços urbanos (13); agente de serviços gerais (20); vigia (65); auxiliar administrativo (22); motorista categoria “B” (5); motorista categoria “D” (15); operador de máquinas pesadas – máquina de gelo (1); tratorista (1); auxiliar de contabilidade (2); fiscal ambiental (2); técnico em enfermagem (20); técnico em laboratório (2); técnico em saneamento (1); assistente social (3); enfermeiro (10); engenheiro agrônomo (1); farmacêutico bioquímico (2); fisioterapeuta (1); fonoaudiólogo (1); nutricionista (2); odontólogo (1); pedagogo (3); professores PNS-3 nas áreas de educação infantil (30); ensino fundamental anos iniciais (40); educação artística (15); ciências (10); português (11); matemática (18); inglês (10); educação especial (10); educação física (15); geografia (10) e história (10); psicólogo (2) e técnico em turismo (1).



Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.