Eleições 2020: Candidata à prefeitura de Salvador critica Bolsonaro e dispara ‘Medieval’

A candidata a prefeita de Salvador, Olívia Santana (PCdoB), criticou a atitude do presidente Jair Bolsonaro em negar a obrigatoriedade da vacina contra o coronavírus. Em entrevista à CNN Brasil na quinta-feira (22), a candidata das eleições 2020 considerou a ação “medieval”.

Eleições 2020: Candidata à prefeitura de Salvador critica Bolsonaro e dispara 'Medieval'
Eleições 2020: Candidata à prefeitura de Salvador critica Bolsonaro e dispara ‘Medieval’. (Imagem: Divulgação PCdoB)

Para ela, não é uma questão pessoal. “É preciso entrar no século XXI, olhar para a ciência e ter compromisso com a justiça social”, afirmou Olívia. A candidata da oposição aparece com 4,3% das intenções de voto na última pesquisa realizada em Salvador.

A escolhida do PCdoB é deputada estadual, já foi vereadora, secretária municipal da Educação e também ocupou secretarias estaduais de Políticas para as Mulheres, e de Trabalho, Emprego, Renda e Esporte. A vice é Joca Soares, presidente municipal do Progressistas.

A responsabilidade em definir a obrigatoriedade ou não da vacina é do Ministério da Saúde, mas Bolsonaro disse, nesta semana, que a vacina não será obrigatória. Segundo o presidente, metade da população diz que não quer tomar a vacina e esse é um direito das pessoas.

Campanha das eleições 2020 em Salvador

Na capital baiana, a vantagem é do atual vice-prefeito, Bruno Reis (DEM), apoiado pelo atual prefeito da cidade, ACM Neto (DEM). Um levantamento do Instituto Paraná mostra que Reis tem 52,1% das intenções de voto. Ele já foi deputado estadual por duas vezes.

A candidata do PT, Major Denice, aparece em segundo lugar, com 10,6% e tecnicamente empatada com o candidato Pastor Sargento Isidório (Avante), com 9,3%. Denice é apoiada pelo governador petista Rui Costa. Olívia Santana (PCdoB) tem 4,3% das intenções, seguida por Cezar Leite (PRTB), com 2,7%; Bacelar (Podemos) tem 2,4%. Hilton Coelho (PSOL), aparece com 1,5%; e Celsinho Cotrim (Pros) e Rodrigo Pereira (PCO) têm 0,4% cada um.

Leia mais: Pesquisa para prefeito de Feira de Santana-BA: Veja quem é o candidato FAVORITO das eleições

Ao todo, nove candidatos disputam a prefeitura deSalvador depois de oito anos da gestão ACM Neto. O município tem o maior colégio eleitoral do estado, com quase 2 milhões de pessoas aptas a votar. O primeiro turno das eleições 2020 será em 15 de novembro e o segundo turno em 29 de novembro.

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.