Eleições 2020 e COVID-19: Secretaria de Saúde da Paraíba divulga protocolo sanitário

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) da Paraíba divulgou um protocolo com medidas de prevenção à Covid-19, voltado para as eleições 2020. Além das recomendações para os dias de votação, o documento contempla as campanhas eleitorais e convenções partidárias. As principais medidas incluem a não convocação de pessoas do grupo de risco, por exemplo.

Eleições 2020 e COVID-19: Secretaria de Saúde da Paraíba divulga protocolo sanitário
Eleições 2020 e COVID-19: Secretaria de Saúde da Paraíba divulga protocolo sanitário (Imagem: Google)

A orientação para os candidatos é de que não promovam eventos como comícios e distribuição de materiais impressos. Também é recomendado que o candidato compareça ao local de votação sozinho. O secretário executivo de Gestão de Redes de Unidades Hospitalares, Daniel Beltrammi, disse que as medidas abrangem todos os municípios da Paraíba em todos os níveis de bandeira.

Eleições exigem cuidados essenciais

Além das recomendações aos partidos, o ideal é que a população continue seguindo as medidas de prevenção ao vírus, como o uso de máscaras, higienização das mãos, distância de 1,5 metro entre as pessoas e evitar aglomerações. O secretário também orienta que crianças e adolescentes não acompanhem os responsáveis nos dias de votação e que cada eleitor leve sua própria caneta para assinar a ata de comprovação.

Este ano, a biometria não será utilizada, para evitar a proliferação do vírus. Para higienizar os ambientes, mesários e outros trabalhadores seguirão um protocolo de limpeza intensiva. Além disso, haverá marcações no chão para evitar filas e proximidade entre as pessoas.

Leia mais: Eleições 2020: Confira as novas regras sanitárias para o dia da votação

Durante a campanha, o protocolo é dar preferência a eventos virtuais ou no formato drive-in, utilizar aplicativos multiplataforma de mensagens instantâneas e chamadas de voz. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) liberou a realização de convenções virtuais para os partidos. Os que optarem por eventos presenciais precisam respeitar a limitação de público e outras medidas específicas.

É necessário manter os ambientes abertos, arejados e ventilados e garantir uma distância mínima segura entre os participantes. O uso de microfones individuais também é recomendado. As diretrizes do Novo Normal Paraíba foram definidas com a participação de representantes da sociedade civil e do setor produtivo. O objetivo foi chegar a um consenso para a implantação de medidas estratégicas de enfrentamento à pandemia.

 

Facebook Comments

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.