Eleições 2020: Pesquisa para prefeito de Camaçari: Veja quem é o candidato FAVORITO do município

Uma pesquisa Ibope realizada com eleitores de Camaçari mostra a preferência para as eleições 2020 no município. O prefeito Elinaldo Araújo (DEM), que busca a reeleição, lidera a corrida eleitoral, com 47% das intenções de voto. A vantagem em relação à segunda colocada é de mais de 20 pontos percentuais.

Eleições 2020: Pesquisa para prefeito de Camaçari: Veja quem é o candidato FAVORITO do município
Eleições 2020: Pesquisa para prefeito de Camaçari: Veja quem é o candidato FAVORITO do município. (Imagem: PMC)

O levantamento foi realizado pela Potencial Pesquisa, em parceria com o portal A Tarde, entre os dias 9 de 15 de setembro. Ivoneide Caetano (PT) é a segunda mais citada pelos eleitores, com 24% das intenções de voto. Confira o resultado completo.

Ampla vantagem nas eleições 2020 de Camaçari

  • Elinaldo Araújo (DEM): 47%
  • Ivoneide Caetano (PT): 24%
  • Oziel Araújo (PDT): 5%
  • Sócrates Magno (PSOL), Pedrinho de Pedrão (Avante) e Antônio Carlos Soares (PL): 1%

O candidato Heckel Pedreira (Rede) não pontuou. Outros 10% responderam que ainda não sabem em quem votar e 11% pretendem anular o voto ou votar em branco, enquanto 1% não quis responder à pesquisa. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%.

Na pesquisa espontânea, quando os nomes dos candidatos não são apresentados, Elinaldo continua com vantagem, acumulando 31% das intenções de voto. Neste cenário, Ivoneide tem 13% e Oziel, 4%. Luiz Caetano, ex-prefeito de Camaçari e marido de Ivoneide, foi citado por 3% dos entrevistados e Sócrates foi mencionado por 1%. Na pesquisa espontânea, 41% dos eleitores estão indecisos.

Leia mais: Pesquisa para prefeito de Feira de Santana-BA: Veja quem é o candidato FAVORITO das eleições

No levantamento dos índices de rejeição, Elinaldo tem a menor taxa, de 37%. A segunda menor rejeição é de Heckel, com 48%, que também tem a maior taxa de desconhecimento entre os entrevistados, 43%. Ivoneide tem rejeição de 50% e é desconhecida por 11% do eleitorado. Em seguida, na rejeição, aparecem Sócrates, com 51%; Antônio Carlos, 56%; Oziel, 61% e, liderando o índice, Pedrinho de Pedrão, 62%.

Sobre a segurança das eleições, o instituto questionou se os entrevistados iriam ao local de votação caso o pleito fosse hoje. Do total, 86% disseram que iriam votar e 12% afirmaram. Além disso, 2% não responderam. No último pleito municipal, o percentual de abstenção observado foi de 14%.

 

 

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.