Enem 2020: Pedidos de reaplicação de prova devem ser feitos a partir de HOJE (25)

Os pedidos de reaplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2020) já podem ser feitos. O prazo para a solicitação começa nesta segunda-feira (25) e segue até sexta-feira (29) para aqueles que tiveram diagnóstico de Covid-19 ou problemas logísticos, como salas lotadas.

Enem 2020: Pedidos de reaplicação de prova devem ser feitos a partir de HOJE (25)
Enem 2020: Pedidos de reaplicação de prova devem ser feitos a partir de HOJE (25). (Imagem: Agência Brasil)

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou que o sistema será aberto às 12h desta segunda.

Os pedidos serão analisados individualmente e os resultados serão divulgados em 12 de fevereiro. A reaplicação está marcada para 23 e 24 de fevereiro.

Como pedir reaplicação do Enem 2020

Para a solicitação, o candidato deve acessar a Página do Participante. É necessário justificar o pedido e anexar documentos comprobatórios, no caso de diagnóstico positivo para a Covid-19. O laudo pode ter formato PDF, PNG ou JPG e tamanho máximo de 2 MB.

Entre os problemas logísticos previstos no edital, que permitem pedidos de reaplicação, estão: fatores supervenientes, peculiares, eventuais ou de força maior, como desastres naturais, falta de energia elétrica e falha no dispositivo eletrônico fornecido a participante que solicitaram uso de leitor de tela.

Também são aceitas justificativas com “erro de execução de procedimento de aplicação pelo aplicador” que tenha causado prejuízo ao participante. Neste ano, candidatos que foram barrados por lotação de salas no primeiro dia também poderão fazer o pedido.

Leia mais: Fies 2021 abre inscrições a partir de terça-feira (26); TUDO sobre o financiamento

Segundo a assessoria de comunicação do Inep, os candidatos que tiveram esse tipo de problema não precisariam pegar nenhum comprovante no local de aplicação. As situações serão analisadas com base nas informações enviadas pelos aplicadores das provas.

Na data de reaplicação, também são disponibilizadas provas para pessoas privadas de liberdade. O Enem PPL tem o mesmo nível de dificuldade do Enem regular, mas apresenta questões diferentes. O índice de abstenção do exame chegou a 55,3% do total de candidatos no segundo dia de provas.

Ao todo, eram esperados 5,5 milhões de pessoas, apenas 2.470.396 compareceram. O primeiro dia de provas teve abstenção de 51,5%. No próximo domingo (31), ocorrerá a aplicação do projeto piloto do Enem digital para 96 mil inscritos.

 

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.