INSS informa que continua em vigor a antecipação do auxílio-doença; veja como receber

Na última terça-feira (29), foi publicado pela Secretaria Especial da Previdência e Trabalho e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que o auxílio-doença continuará em vigor em todos os estados do Brasil.

INSS informa que continua em vigor a antecipação do auxílio-doença; veja como receber
INSS informa que continua em vigor a antecipação do auxílio-doença; veja como receber (Foto: Reprodução Google)

O auxilio-doença é para pessoas com incapacidades físicas ou mentais. Alguns critérios são exigidos para pedir o auxilio, como laudo médico e declaração de responsabilidade.  A ação foi antecipada e assim seguirá, a opção de fazer o agendamento para a perícia médica também pode ser feita.

Nas unidade de atendimento que possuam Perícia Médica Federal, o segurado pode optar por antecipar ou agendar a consulta. A ação tem o objetivo de dar seguridade as pessoas até que o retorno do atendimento presencial seja 100% e disponível para todos.

Assim que o beneficiário optar pra antecipação do auxilio, o INSS o notificará para agendar a perícia médica obrigatória, para a concessão definitiva do beneficio.

Leia mais: INSS anuncia suspensão da prova de vida dos aposentados

Como receber o auxílio-doença pelo MEU INSS

Os interessados devem enviar documentos para conseguir a antecipação, todo processo pode ser feita via internet no site da Previdência Social, na plataforma disponibilizada para o auxílio doença.

O documentos requeridos exigem;

  • Atestado Médico – Constando assinatura do profissional e carimbo identificado, informações sobre a doença ou o Código Internacional de Doenças (CID) entre outras
  • Declaração de Responsabilidade – para a garantia dos documentos apresentados.

Todos os documentos enviados passarão por analises da perícia médica, para que seja aceito o pedido de antecipação. O prazo previsto é que até 31 de outubro os cidadãos possam dar início ao processo.

Para fazer o procedimento via internet, é preciso ter o cadastro no site Meu INSS, e direcionar a página até o opção “Agendar Perícia”. O aplicativo está disponível para dispositivos Android e Ios.

Após fazer o login, na opção Perícia Inicial é preciso selecionar “SIM” na pergunta “Você possui atestado médico”, e preencher as informações necessárias. A plataforma vai pedir todos os anexos dos documentos exigidos.

O Instituto pontua ainda que é de muita importância a qualidade dos documentos apresentados, estar legível e sem rasuras, contendo a assinatura do profissional e carimbo de identificação, o registro do Conselho de Classe e todas as informações sobre a doença ou CID. Documentos falsos ou com algumas informações falsas, o responsável estará sujeito a lesões penais.

Larissa Luna é graduanda em Psicologia pela Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Como universitária, estuda analises de pesquisas feitas a partir de conceitos sociológicos e antropológicos em paralelo com a Psicologia. Atualmente dedica-se a redação do Jornal O Norte.