Minoru Kinpara e Socorro Neri aparecem tecnicamente empatados em pesquisa para prefeitura

A prefeita Socorro Neri e o ex-reitor da Ufac, Minoru Kinpara estão tecnicamente empatados na disputa pela prefeitura de Rio Branco e ambos estariam no segundo turno, se a eleição fosse hoje, com grande distância para seus eventuais competidores. A conclusão é da pesquisa do Instituto Delta, contratado pelo PSL Acre, com os números divulgados hoje.
Pelo levantamento, na pesquisa estimulada, com a apresentação dos nomes dos candidatos, o candidato do PSDB, Minoru Kinpara alcançaria hoje 24,63% dos votos, contra 21,50% da prefeita Socorro Neri (PSB), Em terceiro lugar ficariam quase empatados Roberto Duarte (MDB), com 14,5% e Tião Bocalom (PP) com 14,37%. Mais distantes, ficariam Daniel Zen do PT, com 3,88% e os outros candidatos, dos quais, só Fernando Zamora, que se apresentava como candidato do PSL e que teve sua candidatura rifada pelo partido, ultrapassava um dígito, com 1,75%.
A pesquisa Delta foi encomendada pelo PSL, ouviu 800 eleitores na capital entre 27 de junho e 01 de julho. A margem de erro é de 3.5% para mais ou para menos e a sondagem está registrada no T R E sob o número AC-09190-2020.
Minoru Kinpara e Socorro Neri estão empatados dentro da margem de erro, que é de 3,5 pontos para mais ou para menos.

Outros – Fernando Zamora – 1,75%, Luziel Carvalho, 0.88%, Pedro Longo 0,37%

Na pesquisa espontânea, quando o eleitor indica seu candidato sem lista prévia, a distância entre Minoru Kinpara e Socorro Neri é ainda menor. O tucano aparece com 23.50% das intenções de voto, a prefeita, com 21.25%. Tião Bocalom (PP) vem em terceiro, com 14.12%, seguido pelo deputado Roberto Duarte Júnior, com 13. 63%.
Acesse rápidoDaniel Zen: “Não temos espaço para escapismo ou vacilação”Deputados vão aprovar corte de 50% em seus saláriosDaniel Zen é o escolhido para a disputa da prefeitura da capital acreana“O plano de reabertura comercial montado pelos empresários está carente de medidas”, diz Daniel ZenPT fracassa e TSE rejeita ‘terceiro turno’ das eleiçõesCandidatos à prefeitura da capital se dividem quando o assunto é a epidemia do COVID 19

Fonte: A Tribuna do Acre