Presidente quer prorrogar auxílio e fala em valor entre R$200 e R$ 600; confira

Presidente Jair Bolsonaro analisa formas de estender o pagamento do auxílio emergencial por mais alguns meses, mas avisa que não há como manter o atual valor.

Presidente quer prorrogar auxílio e fala em valor entre R$200 e R$ 600; confira
Presidente quer prorrogar auxílio e fala em valor entre R$200 e R$ 600; confira. (Fonte:Google)

O auxílio emergencial que o governo tem pago tem beneficiado uma grande parcela dos brasileiros. Agora, percebendo que os efeitos da pandemia ainda podem se prolongar por mais tempo, o Governo analisa estender o auxílio.

Segundo pesquisa do Datafolha, divulgada no dia 13 de agosto, 53% dos brasileiros tem gasto esse dinheiro para comprar comida durante a pandemia. 44% dos entrevistados afirmam que esse pagamento é a sua única fonte de renda atual, sendo, portanto, extremamente necessário.

Presidente analisa prorrogar auxílio com o mesmo valor?

Bolsonaro já demonstrou seu interesse em permanecer beneficiando os brasileiros com esse auxilio. No entanto, ele também já afirmou que para os cofres públicos, o atual valor de R$600,00 não é possível.

Em recente pronunciamento o Presidente afirmou que: “Os R$ 600 pesam muito para a União. Não é dinheiro do povo porque não está guardado, é endividamento. E se o país se endivida demais, acaba perdendo sua credibilidade para o futuro. Então, R$ 600 é muito”.

Por outro lado, Bolsonaro afirma que acha o valor de R$200,00 pouco e pretende encontrar um meio termo. Rodrigo Maia já havia dito em dias anteriores que espera receber uma proposta de fato, para só então analisar de onde sairá o dinheiro destinado ao pagamento do auxílio.

Leia mais: Como ‘queridinho’ de Bolsonaro, Ministério da Defesa conseguiu 2,2 bi a mais na estimativa orçamentária

Alguns parlamentares defendem que o benefício seja estendido por mais dois meses. Mas, uma parcela no atual valor e outro em R$300,00.

Auxílio emergencial e transição

A ideia é que a prorrogação aconteça e que quando o prazo dela acabar, seja dado início ao pagamento do Renda Brasil. Esse novo programa social do governo é uma espécie de Bolsa Família, criado na gestão do PT, mas repaginado.

No Renda Brasil se pretende beneficiar tanto as famílias que já recebiam o Bolsa Família, quanto beneficiário do Auxílio Emergencial. O projeto ainda não está totalmente elaborado e ainda deverá seguir para o Congresso Nacional para que seja analisado e colocado em votação.

Facebook Comments

Jamille Pereira Novaes é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduada em Gestão da Educação pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU). Como professora de Língua Portuguesa já atuou no ensino fundamental I e II. Atualmente, trabalha com professora de Língua Portuguesa no ensino técnico e redatora do jornal O Norte.