‘Tenho nada com isso’ dispara Bolsonaro sobre flagra na cueca de senador

Diante do flagra pela Polícia Federal do dinheiro encontrado na cueca do Senador Chico Rodrigues, do DEM-RR (Democratas), na última quarta-feira (14), o presidente Jair Bolsonaro afirmou que Chico Rodrigues não tem relação com o seu governo e é prova de que não há proteção de ninguém. Mesmo que, de março de 2019 até esta quinta-feira, o Senador tenha sido vice-líder do governo de Jair Bolsonaro no Senado.

'Tenho nada com isso' dispara Bolsonaro sobre flagra na cueca de senador(Foto: Divulgação/rede social)
‘Tenho nada com isso’ dispara Bolsonaro sobre flagra na cueca de senador(Foto: Divulgação/rede social)

O dinheiro foi encontrado no cumprimento de mandado de busca e apreensão na casa do parlamentar durante uma operação para apurar desvios de recursos da Saúde. De acordo com o portal G1, a investigação aponta que para indícios de que o senador utilizou sua influência política para favorecer empresas privadas ligadas a ele durante os processos licitatórios feitos na pandemia.

Leia mais: IR: Governo Bolsonaro estuda mudanças das normas de pagamento do imposto

Opinião de Bolsonaro

O portal O Globo publicou que o presidente afirmou lamentar o desvio de recursos, mas que a operação é um “é fator de orgulho” para o governo.

“Seria bom que não houvesse, porque, afinal de contas, quando você desvia dinheiro da saúde, inocentes morrem, então a operação de ontem é fator de orgulho para o meu governo”.

Ele insistiu na fala de que não há casos de corrupção no seu governo, que é formado por ministros, presidentes de estatais e dos bancos públicos. E acrescentou que, nem toda a corrupção tem a ver com o governo presidencial, usando os exemplos das verbas que são destinadas a estados e municípios.

“Se um vereador faz algo de errado, eu não tenho nada a ver com isso. Ou melhor, eu tenho para ir para cima dele, com a Polícia Federal se for o caso, com o apoio da CGU, é isso que nós fazemos”.

Dispensa do Senador envolvido em corrupção

No fim da manhã desta quinta-feira (15), a Presidência dispensou Rodrigues do cargo em edição extra do DOU (Diário Oficial da União), após o senador entregar o posto.

O presidente afirmou que a operação contou com o apoio da Controladoria-Geral da União (CGU), do ministro Wagner Rosário, o que comprova que o governo está atuando contra a corrupção. De acordo com o portal G1, a PF afirmou que o senador não soube explicar a origem dos valores apreendidos.

Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.