Atenção! 18.842 trabalhadores de Sergipe tem direito ao abono salarial PIS 2020-2021

Trabalhadores sergipanos nascidos no mês de julho já podem receber o abono salarial do Programa de Integração Social (PIS) 2020-2021. O abono é só para àqueles que possuem o direito ao benefício. As datas valem para os trabalhadores que não forem correntistas do banco Caixa Econômica Federal.

Atenção! 18.842 trabalhadores de Sergipe tem direito ao abono salarial PIS 2020-2021
Atenção! 18.842 trabalhadores de Sergipe tem direito ao abono salarial PIS 2020-2021 (Imagem: Reprodução Google)

Quem não é correntista, o valor do abono já está creditado diretamente em conta. O valor é pago pela Caixa por mês de nascimento para trabalhadores que compõem a iniciativa. Desse modo, para os que tem data de nascimento em julho, podem receber o crédito até o dia 30

Ao todo, 18.842 trabalhadores de Sergipe podem receber o benefício neste mês. Ademais, são R$ 14,8 milhões que podem ser sacados utilizando o Cartão do Cidadão do banco e senha em caixas eletrônicos, unidades lotéricas e nos Correspondentes Caixa Aqui. Além disso, também podem ser retirados nas agências. 

O que é PIS?

O Programa de Integração Social (PIS) foi criado por meio da Lei Complementar nº 7/1970, com o objetivo de integrar os trabalhadores do setor privado com o desenvolvimento da empresa. 

Dessa forma, o PIS é um modo do empregado desse setor ter acesso à benefícios determinados por lei. Assim, o cidadão ainda colabora com o desenvolvimento das empresas.  O pagamento do benefício é de responsabilidade do banco Caixa Econômica. 

Leia Mais: Economia: Prefeitura de Aracaju renova decreto de enfrentamento ao coronavírus

Paralelo ao PIS, também foi criado o PASEP (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público).  Este outro benefício, aliás, é voltado para que União, Estados, Municípios, Distrito Federal e territórios possam contribuir com o fundo destinado à empregados do setor público.

Como sacar o benefício

Para os trabalhadores que possuem o Cartão Cidadão e senha cadastrada, podem se dirigir aos terminais de autoatendimento (caixas eletrônicos) ou até mesmo em uma casa lotérica, para sacar o benefício. Já para os que não possuem o cartão, podem ir até uma agência do banco, portando documento de identificação.

Para saber se o empregado tem ou não direito ao PIS, é possível conseguir mais informações sobre o benefício ligando para o telefone 0800-726-02-07, da Caixa Econômica. 

Ainda assim é possível, também, consultar no site do próprio banco. Basta ir em “Consultar Pagamento”. Porém, para fazer isso, é necessário ter o número do NIS (PIS/PASEP).

Mariana Cristina Rocha dos Santos é formada em Comunicação Social – Jornalismo pela Universidade Federal do Espírito Santo. Possui experiência em comunicação interna e externa no Teatro Carlos Gomes, espaço histórico-cultural capixaba. Além de produção para televisão, com pautas para programa de entretenimento, chamadas televisivas, spot para rádios e mídias sociais na TV Gazeta (afiliada à Rede Globo). Atualmente dedica-se à redação do Jornal O Norte.