Eleições 2020: Termina nesta quinta (05) o prazo para solicitação da 2ª via do título

O prazo para solicitar a segunda via do título de eleitor termina nesta quinta-feira (5). O processo deve ser feito no cartório eleitoral da zona onde o documento está cadastrado e precisa seguir o calendário das eleições municipais de 2020. A segunda via também pode ser obtida pelo aplicativo e-Título.

Eleições 2020: Termina nesta quinta (05) o prazo para solicitação da 2ª via do título
Eleições 2020: Termina nesta quinta (05) o prazo para solicitação da 2ª via do título (Imagem: Divulgação)

Para isso, o eleitor precisa estar em dia com a Justiça Eleitoral, não pode ter débitos pendentes e não pode ter recebido multas pela violação de dispositivos do Código Eleitoral, da Lei das Eleições e leis semelhantes.

Outros documentos para participar das eleições

O título eleitoral não é obrigatório para participar das votações. O eleitor pode se apresentar ao mesário com qualquer documento oficial com foto, como a carteira de identidade ou de motorista. Quem estiver regularizado com a Justiça Eleitoral também pode apresentar a versão digital do documento, o e-Título, que pode ser baixado nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

O e-Título pode ser usado como documento de identificação se o eleitor estiver com o cadastramento biométrico em dia. A versão digital apresenta a foto e dispensa a apresentação de outro documento para votar. O aplicativo também traz informações como local de votação e seção eleitoral e oferece serviços como a emissão de certidões de quitação eleitoral e negativa de crimes eleitorais.

Leia mais: Eleições: Solicitação da transferência do título de eleitor? Veja AQUI como fazer isso!

O endereço do local de votação também pode ser consultado no Portal do TSE, na seção ‘Serviço ao eleitor’ – ‘Local de votação’, localizada no menu lateral direito do site. A consulta pode ser feita pelo nome do eleitor ou número do título, data de nascimento e nome da mãe.

O calendário da Justiça Eleitoral foi adiado em razão da pandemia pelo Congresso Nacional. O primeiro turno será em 15 de novembro e anteriormente estava marcado para 4 de outubro. O segundo, que estava marcado para 25 de outubro, será em 29 de novembro. A identificação biométrica será dispensada dos eleitores também por conta da pandemia e a recomendação é que cada um leve sua caneta para assinatura da ata.

 

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.