Enem 2020: Candidatos infectados pelo coronavírus terão CHANCE EXTRA no vestibular

Com mais de 5,7 milhões de inscrições confirmadas, os candidatos que estiverem impossibilitados de realizar o Enem 2020 (Exame Nacional do Ensino Médio) por conta de doença infectocontagiosa, como a Covid-19, poderão fazer a prova no próximo ano. Os candidatos com solicitações deferidas, após requisição, farão a prova em fevereiro, nos dias 23 e 24. 

Enem 2020: Candidatos infectados pelo coronavírus terão CHANCE EXTRA no vestibular (magem: ADAILTON DAMASCENO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)
Enem 2020: Candidatos infectados pelo coronavírus terão CHANCE EXTRA no vestibular (Imagem: ADAILTON DAMASCENO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

Também é previsto em edital que outras doenças se enquadrem na solicitação de adiamento, além do coronavírus, como:

  • Coqueluche;
  • Difteria;
  • Doença invasiva por haemophilus influenza;
  • Doença meningocócica e outras meningites;
  • Varíola;
  • Influenza humana A e B;
  • Poliomielite por poliovírus selvagem;
  • Sarampo;
  • Rubéola;
  • Varicela.

Leia mais: SISU 2021: Nota do Enem 2020 será obrigatória para entrada no programa? Veja aqui!

A Agência Brasil publicou que pessoas com problemas logísticos também poderão solicitar o adiamento da prova, em casos de falta de energia elétrica, por exemplo. Segundo o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), basta comunicar o problema pela Página do Participante para fazer o exame em fevereiro.

Veja como garantir uma nova data em caso de infecção

O presidente substituto do Inep, Camilo Mussi, disse em entrevista à Agência Brasil que os candidatos com doenças infecciosas devem ligar para a central de atendimento do Inep (0800 616161) e comunicar a doença até um dia antes da data da prova.

Depois da aplicação, o candidato também deverá registrar o problema anexando laudo médico na Página do Participante. O processo seguinte será feito pelo Instituto, que irá deferir ou não a nova data para participação da reaplicação do exame nos dias 23 e 24 de fevereiro de 2021 – mesma data em que o Enem será aplicado a pessoas com privação de liberdade.

Leia mais: ENEM 2021: Petrolina oferece aulão preparatório GRATUITO pela internet; inscreva-se

Grupo de risco

Pessoas que se enquadram no grupo de risco para a Covid-19, como idosos e pessoas com morbidades que necessitam de atendimento especial, não precisam fazer nada além do que já deve ter sido realizado na etapa de inscrição.

“ Essas pessoas já declararam no ato da inscrição, idade e se precisam de atendimento especial e, com base nessas informações, vamos agrupá-las em salas separadas. Não há necessidade de procurar a central para comunicar essa condição”, garantiu Mussi.

Para garantir a segurança de todos os participantes, o número de participantes por sala será reduzido, pelo menos, em 50%. Também será obrigatório o uso de máscaras por todos presentes.

Cronograma do Enem 2020

  • Provas impressas: 17 e 24 de janeiro
  • Prova digital: 31 de janeiro e 7 de fevereiro
  • Reaplicação da prova: 23 e 24 de fevereiro
  • Resultados: a partir de 29 de março

Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.