PE e RN abrem inscrições para residência médica com bolsas de R$ 3,3 MIL

Universidades de Pernambuco e do Rio Grande do Norte estão com inscrições abertas para programas de residência médica. Ao todo, há mais de mil vagas nos dois estados. O valor das bolsas é de R$ 3.330,43. Para as oportunidades em Pernambuco, as inscrições vão até 27 de dezembro e podem ser feitas no site da Universidade de Pernambuco (UPE).

PE e RN abrem inscrições para residência médica com bolsas de R$ 3,3 mil
PE e RN abrem inscrições para residência médica com bolsas de R$ 3,3 mil. (Imagem: Reprodução / Google)

As taxas são de R$ 490 e a isenção pode ser solicitada até 10 de dezembro. Para participar, o candidato precisa enviar a documentação para a para a Comissão de Concursos do Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco (Conupe-Iaupe) via Sedex. As informações estão disponíveis no edital.

Detalhes da seleção para residência médica

Em Pernambuco, os candidatos para residência médica farão uma prova no dia 15 de janeiro de 2021 e depois devem passar por análise curricular. A previsão é de que os resultados sejam divulgados no dia 9 de fevereiro.

Os programas começam em março. Dúvidas sobre o processo seletivo podem ser encaminhadas por e-mail para [email protected].

Uma novidade para o ano que vem é a residência multiprofissional em Saúde Coletiva com ênfase em agroecologia. De acordo com Secretaria Estadual de Saúde, são oito vagas disponíveis para o Campus Garanhuns da UPE. O objetivo é formar sanitaristas para atuar no Sistema Único de Saúde (SUS).

Leia mais: Petrobras oferece vagas para Jovem Aprendiz no Norte e Nordeste; inscreva-se

Rio Grande do Norte

No RN, as oportunidades são para a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), para os programas de residência do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) e Maternidade Escola Januário Cicco (MEJC), em Natal, e do Hospital Universitário Ana Bezerra (HUAB), na cidade de Santa Cruz. O início do programa também será em março.

As inscrições podem ser feitas até 14 de dezembro no site da Comperve. A seleção será realizada em duas fases, com prova objetiva e análise curricular.

O trabalho é em regime de tempo integral e plantões, com carga horária de 60 horas semanais, totalizando 2.880 horas por ano. Na Maternidade Escola Januário Cicco, foram disponibilizadas 12 vagas, sendo três para neonatologia, oito para ginecologia e obstetrícia e uma vaga para endoscopia ginecológica.

Mônica Chagas Ferreira é mestranda em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Como pesquisadora, estuda Análise do Discurso na perspectiva foucaultiana, contemplando relações de saber, poder e política presentes na mídia. Enquanto jornalista, já atuou em rádios e veículos impressos. Atualmente trabalha como assessora de comunicação e redatora do Jornal O Norte.