Pente-fino: Governo vai cancelar o Bolsa Família DESTES beneficiários em 2021

O Governo Federal vai passar um pente-fino em todos os beneficiários do programa social Bolsa Família. De acordo com as novas regras, terão o seu benefício cortado àqueles que tenham participado das campanhas eleitorais de 2020, feito doações ou participado como candidatos, por exemplo.

Pente-fino: Governo vai cancelar o Bolsa Família DESTES beneficiários em 2021
Pente-fino: Governo vai cancelar o Bolsa Família DESTES beneficiários em 2021 (Imagem: Reprodução Jornal O Norte)

Os beneficiários do Bolsa Família que tenham algum familiar membro nas eleições municipais de 2020, declarando o seu patrimônio a Justiça Eleitoral maior que R$ 300 mil, terão o seu benefício cortado já neste mês de janeiro de 2021.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) declarou no mês de dezembro de 2020 que, R$ 77,5 milhões foram doados em prol de campanhas eleitorais por beneficiários do Bolsa Família e do auxílio emergencial.

É, por isso, que qualquer integrante da família que faça parte do programa e tenha doado dinheiro para campanhas eleitorais ou ainda tenham sido prestadores de algum serviço para campanha em troca de dinheiro, terão o seu benefício cancelado.

Leia mais: NOVO banco digital da CAIXA vai pagar Bolsa Família, FGTS e mais benefícios; conheça

Atualização do cadastro

Um outro motivo que pode levar ao cancelamento do benefício é a falta da atualização cadastral. Todos os beneficiários tem até maio para atualizarem o seu cadastro, todavia, caso isso não aconteça o pagamento será cancelado até junho de 2021.

É preciso também atualizar o cadastro caso ocorreu alguma mudança nas exigências abaixo, e levar os documentos que comprovam tais mudanças.

  •  nascimento ou morte de alguém na família;
  • saída de um integrante para outra casa;
  • mudança de endereço;
  • entrada das crianças na escola ou transferência de escola;
  • aumento ou diminuição da renda, entre outros.

Mesmo que não houve nenhuma mudança, ainda assim as informações precisam ser atualizadas.

Leia mais: Calendário Bolsa Família 2021: Governo anuncia datas de pagamento de acordo com NIS

Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de transferência direta de renda, direcionado às famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o País, de modo que consigam superar a situação de vulnerabilidade e pobreza.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda mensal de até R$ 89 por pessoa. As famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178 por pessoa.

As famílias pobres participam do programa, desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos. Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidas pelo Bolsa Família.

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.