Pessoas nascidas em 1996 poderão tomar a vacina em Fortaleza

A partir desta quarta-feira (4), pessoas nascidas em 1996 poderão tomar a vacina em Fortaleza. O plano de imunização da população fortalezense segue avançando e agora com mais uma faixa etária para ser vacinada. A lista com nomes de pessoas autorizadas a receber o imunizante, foi divulgada!

Pessoas nascidas em 1996 poderão tomar a vacina em Fortaleza
Pessoas nascidas em 1996 poderão tomar a vacina em Fortaleza (Foto: Reprodução Google)

A Secretária Municipal da Saúde de Fortaleza anunciou o andamento da vacinação na capital. Agora, pessoas nascidas entre agosto de 1995 e ano de 1996 que estão cadastradas no programa de vacinação conta Covid-19, podem receber a primeira dose do imunizante.

A lista com o nome de todas as pessoas dentro da faixa etária foi divulgada pela secretária na última terça-feira (3), através do site da Prefeitura de Fortaleza é possível ver quais nomes foram convocados nesse momento.

Fortaleza segue avançando no plano de imunização, e até a última semana a capital estava vacinando pessoas com 26 anos ou mais. Agora, o objetivo é que pessoas com 18 anos ou mais sejam vacinadas o quanto antes.

Em todo Brasil, os estados e suas capitais estão recebendo lotes de vacinas como Coronavac, Pfizer e AstraZeneca. Fortaleza segue também aplicando a segunda dose da vacina para completar assim o protocolo de imunização.

Leia mais:Inpe divulga que queimadas no Amazonas caem em 44% desde julho

Ceará e vacinação

No início deste ano, o estado do Ceará ficou entre o 3º do Nordeste que mais vacinou conta a Covid-19. Ainda em janeiro, o estado tinha imunizado 48.821 pessoas. A região ficou atrás somente da Bahia com 117.734 e de Pernambuco com 63.180.

Agora,  o estado segue avançando e cerca de 3.878.995 de 1º doses já foram aplicadas. O vacinômetro do estado afirma ainda que a região recebeu ao total 6.542.868 de doses do imunizante, desde o início da vacinação.

O Estado do Ceará conta com uma plataforma de Cadastro Estadual de Vacinação, onde os cidadãos podem acompanhar a faixa etária que está recebendo a vacina, grupos prioritário e também locais de vacinação.

Para quem ainda não recebeu a vacina por algum motivo, mas está dentro da faixa etária presente, é possível verificar o nome no Cadastro Estadual de Vacinação. Após isso, é só comparecer ao posto de vacinação com o documento de identificação em mãos.

Larissa Luna é graduanda em Psicologia pela Faculdade Frassinetti do Recife (FAFIRE) e graduanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Como universitária, estuda analises de pesquisas feitas a partir de conceitos sociológicos e antropológicos em paralelo com a Psicologia. Atualmente dedica-se a redação do Jornal O Norte.