Carnaval 2021 CANCELADO no Piauí? Entenda a decisão do governo

Após uma reunião com o Comitê de Operações Emergenciais (COE) de combate à Covid-19, o governador Wellington Dias (PT) do estado de Piauí tomou uma decisão a respeito do Carnaval 2021. Além disso, outros feriados e pontos facultativos nacionais tiveram o posicionamento do governador.

Carnaval 2021 CANCELADO no Piauí? Entenda a decisão do governo
Carnaval 2021 CANCELADO no Piauí? Entenda a decisão do governo (Imagem: Reprodução Revista Direito Hoje)

Carnaval 2021

O governador decidiu cancelar todos os eventos carnavalescos do estado. Além do mais, os os pontos facultativos da segunda-feira de carnaval e da quarta-feira de cinzas também foram suspensos.

Neste ano, o carnaval seria comemorado no dia 16 de fevereiro, caindo numa terça-feira.

“Este ano, estamos adotando a medida da não realização de eventos carnavalescos porque temos uma situação em que há alta transmissibilidade, alto risco e ampliação do adoecimento. Isso poderia levar colapso a algumas regiões de saúde, portanto, é melhor evitar”, afirmou o governador.

Leia mais: INSS PRORROGA suspensão da prova de vida na pandemia

Vacinação contra à Covid-19

O governador afirmou que o estado já iniciou a campanha de vacinação contra o coronavírus. Os primeiros cidadãos do estado foram vacinados nesta segunda-feria (18) no pátio da Secretaria Estadual de Saúde (Sesapi).

Todavia, o governador ressalta que todos os moradores continuem seguindo os protocolos sanitários e de higiene para evitar maior transmissão do vírus.

“Já começamos a vacina, temos condições de até o mês de junho avançar na imunização no Piauí e no Brasil. A gente já suportou até aqui, então estou suspendendo o ponto facultativo da segunda e na quarta-feira de carnaval. Vamos garantir que as pessoas possam cumprir o protocolo. Todas as equipes de vigilância em saúde e segurança, Estado, Município e Federal, todos estaremos integrados para salvar vidas”, disse o governador.

Leia mais: Governador do Piauí pede PRORROGAÇÃO do estado de calamidade no Brasil

Leitos de Covid-19

Por ameaça de uma possível segunda onda da Covid-19, foi autorizada pelo governador Wellington Dias a implantação de mais 40 rede hospitalar.

“Infelizmente, como já era esperado, tivemos, entre o Natal o Ano Novo, um número grande de pessoas que não seguiu o protocolo. O resultado foi o crescimento na transmissibilidade do coronavírus, assim como o aumento de pessoas doentes o aumento na ocupação de leitos em algumas regiões do estado. Por isso, aprovei a ampliação de mais leitos. São mais 40 novos leitos que ficarão disponíveis no município de Teresina, Oeiras e em outras regiões do estado”, explicou o governador.

Mariana Castro é formada em Pedagogia pela Universidade Brás Cubas em Mogi das Cruzes – SP. Atualmente trabalha como professora na rede privada de ensino e dedica-se a redação do Jornal O Norte.