FIES 2021: MEC divulga edital com informações sobre Enem de anos anteriores

O MEC (Ministério da Educação) divulgou um edital em que prevê o uso das notas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) de anos anteriores a 2020 para ingresso em universidades pelo Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) 2021. As inscrições estarão abertas entre os dias 26 e 29 de janeiro do próximo ano.

FIES 2021: MEC divulga edital com informações sobre Enem de anos anteriores
FIES 2021: MEC divulga edital com informações sobre Enem de anos anteriores (Foto: Reprodução Google)

Para o primeiro semestre de 2021, interessados em ingressar em faculdades e universidades pelo programa de financiamento do Governo Federal poderão utilizar as notas adquiridas no Enem de edições passadas, a partir de 2010.

O edital publicado pelo MEC informa que o sistema para a realização das inscrições estará aberto entre os dias 26 e 29 de janeiro, com o resultado da pré-seleção referente ao processo seletivo do Fies divulgado no dia 2 de fevereiro de 2021.

Com isso, as notas do Enem de 2020 podem não ser consideradas para o financiamento estudantil; pois o exame será realizado em janeiro com divulgação das notas previstas para o mês de março.

Leia mais: Banco do Brasil inicia renegociação de parcelas atrasadas do FIES; saiba como quitar

A decisão de seleção para o ingresso pelo Fies apenas em janeiro foi criticada pela Ubes (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas), já que a medida pode prejudicar os novos alunos.

“Já enfrentamos uma situação de evasão escolar, de total falta de apoio, de exclusão digital e agora isso. Não estamos entendendo nada. Poderemos entrar numa faculdade? Ou irão nos tirar isso também? O MEC precisa ser claro e responsável com nosso futuro, que é também o futuro do Brasil”, afirmou Rozana Barroso, presidente da Ubes, ao G1.

Inadimplência

O portal G1 pontuou em matéria que a taxa de inadimplência do Fies cresceu em 2019, passando de 567 mil contratos com atrasos em abril para 700 mil em dezembro; representando 47% do total de 1,5 milhão de contratos na fase da amortização – alunos que já concluíram a graduação e precisam pagar o empréstimo em parcelas. Esse cenário é um recorte de antes da pandemia, devido à crise financeira.

Leia mais: Diploma digital e Enem online: Conheça as mudanças do MEC para 2021

Sobre o Fies

Instituído em 2001, o Fies é um programa que visa oferecer crédito a estudantes que queiram ingressar no ensino superior em universidades privadas. Atualmente, tem duas categorias:

  • a primeira oferece vagas com juro zero para estudantes com renda mensal familiar de um a três salários mínimos;
  • a segunda, chamada P-Fies, tem juros variáveis e é direcionada a alunos com renda mensal familiar de até cinco salários mínimos.





Jornalista graduada pela FAPCOM (Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação). Foi repórter do site MigraMundo e Startupi, atuou na comunicação de ONG e em assessoria de imprensa. Atualmente trabalha como jornalista freelancer e redatora do Jornal O Norte.